Advertising: Wi-Fi público no Rio de Janeiro

Saiba como e onde utilizar o serviço

O Wi-Fi público já se popularizou em todo mundo e aos poucos também começa a fazer parte das metrópoles brasileiras. A iniciativa, que já foi adotada em Paris, Nova Iorque, Hong Kong e Londres, além de se mostrar como benéfica para a população local, também contribuiu ao potencial turístico da região. O que deve também se repetir nas cidades brasileiras.

São Paulo, cidades do Nordeste, Sul e Centro do país e, inclusive, o Rio de Janeiro, encontraram em projetos de acesso livre à Internet, a possibilidade de expandir o número de turistas e visitantes. Isso se deve a uma combinação de fatores: acesso livre e gratuito, pontos estrategicamente distribuídos em locais de grande circulação e conexão de qualidade.

No Rio, por exemplo, a iniciativa governamental, chamada de Rio Estado Digital, pretende expandir o acesso para comunidades, grandes vias, eventos e municípios fora da região metropolitana. Iniciativas privadas também estão sendo comuns nesse setor.

A NET Rio de Janeiro, em parceria com a Embratel e a Claro, criou mais de 850 pontos de Wi-fi, espalhados por cerca de 100 bairros da capital e regiões metropolitanas. O acesso, gratuito a clientes das operadoras, é feito por meio de login e senha em locais como aeroportos, shopping centers, bares, restaurantes, hospitais e parques. Com a iniciativa pública e privada, em 2013, o Rio possuía quase mil pontos em 77 bairros.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *