Agosto, mês com as vibrações de Ọmọlu, Ọbalúwáiye e Òṣùmàré

Agosto, mês com as vibrações de Ọmọlu, Ọbalúwáiye e Òṣùmàré

9 de agosto de 2017 0 Por Sérgio D`Giyan

 

August 1, 2017

|

Paulo de Oxalá

 

 

Agosto é um mês muito importante para os cultos afro-brasileiros. Mês em que reverenciamos os Orixás Ọmọlu, Ọbalúwáiye e Òṣùmàré.

 

Cada terreiro de Candomblé, conforme sua etnia, realiza um ritual específico para essas divindades. Na Nação Ketu é feito o ritual do Olúbájẹ. Na Nação Jeje, o Ande e na Nação de Angola, a Kukuana.

 

Ọmọlu, também denominado de Ọbalúwáiye na sua forma mais nova, é o dono da terra e dominador de todas as doenças. Ele é representado pelos números 7 do Odù òdí, e 13 do Odù Èjì Ọlọ́gbọn. Em comum esses Odù (Odus) têm pelo lado positivo, sabedoria e evolução espiritual. Pelo lado negativo, os dois indicam muitas aflições e calúnias.

 

O uso de roupas brancas é fundamental para os direcionados por esses Odù, pois evita a guerra e traz proteção espiritual.

 

Para os yorubás Òṣùmàré é o arco-íris e é representado pela serpente sagrada. Dirige as forças que produzem todos os movimentos no Àiyé (mundo).  Seu número é o 14 do Odù Ìká que, pelo lado positivo, representa vitórias e conquistas. No lado negativo, representa perseguições e agressões.  

 

Ritual do Olúbájẹ:

OLÚ = Senhor, GBÁJẸ= Vem comer com todos nós (O Senhor vem comer com todos nós).

 

É uma cerimônia onde todos comem juntos com os Orixás, e ao mesmo tempo descarregam as suas negatividades, ou seja, o Olúbájẹ é um grande DESCARREGO.

 

Todas as casas de Candomblé fazem o Olúbájẹ de alguma forma.

 

 

Cantiga de Olúbájẹ:

A’é a jẹ mbọ́       (Vamos todos comer e reverenciar)

Olúbájẹ               (O Senhor come conosco)

A jẹ mbọ́             (Nós comemos e o reverenciamos)

 

 

Dicas de Proteção:

Um pedaço de palha da costa na carteira ou na bolsa ou amarre atrás da porta de entrada da casa e peça a Ọmọlu, Ọbalúwáiye para impedir que doenças e desavenças atinjam a sua família. 

 

Manter um Ṣàṣàrà (Xaxará) em miniatura na gaveta do seu trabalho, escondido debaixo de um pano branco. O Xaxará representa a força do Orixá Ọmọlu, Ọbalúwáiye, cuja finalidade principal é proteger as pessoas que o usa de qualquer doença.

 

Àṣẹ! Atóto!

 

Extraído do blog do colunista do Jornal Extra e babalorixá Paulo de Oxalá / Rio de Janeiro – RJ
https://www.paulodeoxala.com.br/single-post/2017/08/01/Agosto-m%C3%AAs-com-as-vibra%C3%A7%C3%B5es-de-%E1%BB%8Cm%E1%BB%8Dlu-%E1%BB%8Cbal%C3%BAw%C3%A1iye-e-%C3%92%E1%B9%A3%C3%B9m%C3%A0r%C3%A9