Breaking News

Aplicativo para denúncias de ataques a terreiros será lançado

Dados coletados pelo app vão ser mapeados para ajudar investigações

07/10/2017 08:00:35

O DIA

Rio – Para tentar reverter o aumento de ataque a terreiros de Umbanda e Candomblé, principalmente na Baixada Fluminense, um aplicativo, o ‘Oro Orum – Axé eu respeito’, será lançado na sexta-feira para envio de denúncias.

“O objetivo é ter um novo dispositivo que, aliado às políticas públicas, dê mais segurança para as vítimas denunciarem”, explicou Léo Akin, idealizador do sistema. Ele defende ainda que a informação é a melhor forma de combater a impunidade. “Os dados coletados vão gerar um mapeamento dos ataques e também dos terreiros existentes, facilitando as investigações”.

Mãe Elaine de Oxalá destacou a importância de ações como o aplicativo, porque acredita que o descaso do poder público estimula ações de violência. “Os ataques ao meu terreiro só pararam quando colocamos câmeras. Isso me mostrou que a impunidade faz com que os ataques sejam cada vez mais graves, violentos e frequentes.”

Nos últimos dois meses, foram notificados oito ataques a terreiros em Nova Iguaçu. O aumento dos casos está sendo discutido com frequência pela Comissão de Direitos Humanos da Alerj.

 

Extraído do site do Jornal O Dia on line / Rio de Janeiro – RJ
http://odia.ig.com.br/rio-de-janeiro/2017-10-07/aplicativo-para-denuncias-de-ataques-a-terreiros-sera-lancado.html

About The Author

Sérgio Carvalho se iniciou na Umbanda, pelo Babalorixá Arnaldo de Omulu (in memorian), na T.E.Nanã Buruquê, realizando sua camarinha em dezembro de 1995. Em 2001, se iniciou no Candomblé pelas mãos do Babalorixá Jô d´Osogiyan, no Asé Omin Oiyn Ilè, sendo neto de Iyá Nitinha d´Osun (in memorian), do Asé Engenho Velho - Miguel Couto - RJ. Militante em prol da defesa da religião afro-brasileira, ingressou nas fileiras do extinto IPELCY (Instituto de Pesquisas e Estudo da Língua e Cultura Yorubá), dirigido por Jairo d´Osogiyan. Exerce o cargo de Diretor de Cultura e Comunicação da ANMA - Associação Nacional de Mídia Afro. É proprietário da agência Marfim Assessoria & Eventos. Faz parte da equipe de duas das maiores premiações do jornalismo brasileiro, o Embratel e o Petrobras. É editor responsável pelo jornal web Awùre – http://www.awure.jor.br – veículo que aglutina os momentos mais importantes da cultura e religiosidade afro-brasileira.

Related posts

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *