Breaking News

Após visitar Dilma, ator Danny Glover vai a pai de santo e come acarajé

21 de Junho de 2016 – 10:53

 

 O ator Danny Glover e o pai de santo Paulo Aurélio Lopes em terreiro em Planaltina (Foto: Chaya Dechem/Arquivo Pessoal) Publicidade

O ator Danny Glover e o pai de santo Paulo Aurélio Lopes em terreiro em Planaltina (Foto: Chaya Dechem/Arquivo Pessoal)
Publicidade

Ator americano é conhecido por papéis em ‘Máquina mortífera’ no cinema.
Filho de orixá da caça e prosperidade,artista
 ganhou colar de pai de santo.

Pouco depois de visitar a presidente afastada Dilma Rousseff no Palácio da Alvorada, o ator americano Danny Glover conheceu um terreiro de candomblé em Brasília nesta segunda-feira (20). O astro participou de celebrações tradicionais, degustou um acarajé e recebeu um colar de miçangas confeccionado especialmente para ele.

Aos 69 anos, Danny Glover é conhecido pelas atuações em filmes de ação como “Predador 2” e a série “Máquina mortífera”. Também participou de “Jogos mortais”, “A cor púrpura” e “A testemunha”. Morador da cidade norte-americana de São Francisco, ele é casado com Eliane Cavalleiro, ex-professora da Universidade de Brasília (UnB).

Pai de santo da casa “Ilê Odé Axé Opô Inlé”, o sacerdote Paulo Lopes contou que é a primeira vez que o ator visita o espaço. “A visita de uma pessoa famosa mostra o interesse em conhecer nossa cultura, que é alvo de muito preconceito e merece respeito e apoio”, afirmou.

“Sempre fui muito fã dele. É alguém que admiro muito. Foi coisa do destino ter ele fazendo parte desse momento com a gente”, contou. “Fizemos um colar de miçangas especial para ele, que é filho de Oxóssi, que é o orixá da caça, da prosperidade. Vimos isso por meio do jogo de búzios.”

Intolerância religiosa
O governo do Distirito Federal criou em janeiro deste ano uma delegacia para investigar crimes por discriminação racial, religiosa ou por orientação sexual, ou contra a pessoa idosa ou com deficiência (Decrin). Ela foi instituída depois que pelo menos quatro terreiros de candomblé foram incendiados no DF e no Entorno.

O espaço funciona no Departamento de Polícia Especializada (DPE), na sede da corporação – próximo ao Parque da Cidade. À época da inauguração, o governador Rodrigo Rollemberg disse que “é inaceitável” que na capital do país sejam aceitos casos de intolerância religiosa.

Assista ao vídeo no Portal G1

Fonte: Portal G1

 

Extraído do site Midiacom News / São Paulo – SP
http://www.midiacon.com.br/materia.asp?id_canal=10&id=91845