Breaking News

AS PREVISÕES DE IFÁ DIZ QUE YANSA E OBALUWAIYE REGEM O ANO DE 2016

PREVISÕES DE IFÁ PARA O ANO DE 2016 FAMÍLIA IFÁ NI L’ÓRUN

Enviado por Yango ty Obaluayé / Foto: internet

563-300x168O Babalawó Fabio Oyekun Berdura atefou os Odús que regerão o ano.

Odú regente: Ofun Funi.

Primeiro testemunho, Ogbe Tumako.

Segundo testemunho Odi Oyekun.

Profecia: Ire Lona Ire Oyale Tessi Lessi Orunmilá.

Onishe Beni.

Adimu: Kaure ati Obi Omi tutu.

Orishás regentes, Babalu Ayé (Obaluayé) e Oyá.

Ifá prevê sorte de um bom caminho com boas oportunidades, firme e seguro através das bênçãos de Orunmilá.

Ifá recomenda ofertar à Orunmilá coco e duas velas com rezas visando fortalecer a boa sorte anunciada durante o ano.

Este Odú prevê um desenvolvimento monetário e recursos que facilitarão a constituição da formação matrimonial, sempre que economize.

Prevê conquista de recursos financeiros para realização de projetos através do campo de trabalho. Somente através do trabalho se alcançará o êxito.

As profissões que estarão em destaque este ano serão: administração, comércio, engenharia de produção e economia.

Prevê aumento no custo dos alimentos, dificuldades em manter as despesas do cotidiano.

Não é favorável a adoção de filhos durante este ano, sob riscos de tragédias futuras no seio familiar.

Haverá um aumento na busca por inseminação artificial, visando realizar o desejo materno e paterno. Ifá alerta de perigos e fragilidades na formação genética dos filhos em casos de inseminação artificial.

Cuidado com aumento do colesterol que comprometerá a saúde de forma crítica durante este ano.

Ifá prevê o surgimento de novas oportunidades de trabalho.

Ifá prevê sorte no comércio, as oportunidades nesse setor estarão em alta este ano.

Ifá prevê aumento nas indústrias de tecido, moda e roupas.

As redes sociais, redes de televisão etc, poderão influenciar negativamente com mais intensidade na personalidade e convicções pessoais durante o ano.

Necessário refletir no alto conhecimento visando preservar as próprias características. As pessoas estarão muito inseguras com relação as próprias convicções, comprometendo as escolhas que serão decisivas para o êxito profissional, matrimonial etc. (nascem as cores dos panos referente a cada Orishá nas consagrações).

O segredo está na busca por entender a si mesmo e, assim, encontrarão as respostas, do contrário as frustrações serão inevitáveis.

Disse Ifá que quem imita fracassa!

Este Odú recomenda analisar as pessoas com as quais queiram formar um relacionamento futuro, já que podem ser incompatíveis trazendo fracassos futuros.

Recomenda a consulta com oráculo de Ifá visando fazer as boas escolhas durante o ano.

As dúvidas, as inseguranças serão as grandes causas de problemas emocionais como depressão.

Será um ano onde a busca por orientações espirituais será fundamental.

Os casamentos que foram constituídos superficialmente correm o risco de chegarem ao fim durante o ano.

As intervenções externas nos matrimônios, principalmente das sogras, sogros, no matrimônio dos filhos serão a grande causa do fim dos relacionamentos.

Este ano as pessoas que ainda não estão compromissadas sentirão a necessidade de formar suas famílias, é importante não se deixar levar pelas carências afetivas para não se arrependerem mais tarde caso façam escolhas precipitadas.

Os pais sofrerão por carência do abandono dos filhos, ou pela injustiça e ingratidão dos mesmos.

Os filhos tendem a serem desobedientes, redobrar atenção com as crianças, principalmente meninas, que podem se acidentar gravemente.

É necessária uma maior comunicação entre pais e filhos esse ano, já que os valores e respeito entre os mesmos estarão banalizados, correndo risco de tragédias, brigas, discussões entre pais e filhos.

Este Odú prevê um aumento de jovens desaparecidos e violência sexual à adolescentes.

Recomenda orientar ainda mais os jovens.

As jovens iniciarão a vida precocemente.

Devem ter cuidados em passar por lugares onde tenham vendavais, já que Ifá prevê reações climáticas adversas como vendavais, furacões, alta temperatura, problemas dermatológicos por conta dos raios UV, aumento do câncer de pele principalmente àqueles que estiverem expostos ao sol. Os raios solares este ano serão nocivos à saúde, falta de ar, desmaios e até a morte.

As altas temperaturas podem ocasionar queimadas e morte por desgaste na saúde.

Evitar estar exposto ao sol muito por tempo.

O Odú estabelece vitórias a todos sobre os inimigos e concorrentes, se buscarem auxílio de Ifá.

Os objetivos pessoais nas empresas, politica, na sociedade afetarão os menos favorecidos.

O povo sofrerá com guerras politicas este ano, mesmo com todos os sacrifícios impostos à sociedade, a política se estabilizará do meio para o fim do ano, mas sacrificará muitas pessoas em seus postos de trabalho etc.

Aumento no índice de acidentes nas estradas. Redobrar atenção no trânsito.

O ano será favorável para o crescimento das religiões de matrizes africanas. Quem está pendente em suas espiritualidades é um ano favorável para se regularizar espiritualmente, nascerão muitos Yawós. Se possível durante o ano é fundamental vestir-se com uma peça de roupa na cor do Orishá tutelar.

É necessário se agarrar ao Orishá tutelar visando um ano satisfatório, já que os Orishás este ano terão um grande poder para combater as negativas astrais, principalmente contra as doenças e morte prematura.

Eshú estará de prontidão em defesa do lar.

Diz Ifá que pode surgir assuntos relacionados a heranças.

Enfermidades estomacais, problemas circulatórios, úlceras nas pernas, paralisia, problemas visuais, problemas respiratórios.

Um ano onde as proteções de Olófin (Deus) se encarregará de cobrar todas as injustiças.

Haverá uma intervenção da justiça, onde os culpados sofrerão as consequências do mal praticado.

O Odú prevê desequilíbrios emocionais, onde os cuidados espirituais serão fundamentais para a estabilização emocional.

Disse Ifá que o poder do bem estará de prontidão para destruir todos que pratiquem o mal através de feitiçarias.

As enfermidades perseguirão aqueles que pratiquem a feitiçaria.

Ifá prevê um risco grande para as crianças, adverte de cuidados essenciais com as mesmas, sobretudo os recém-nascidos, já que prevê riscos de mortandade infantil. Os adolescentes estarão expostos aos perigos aumentando os índices de assassinato.

As crianças deverão ser levadas a consulta com oráculo de Ifá protegendo dos riscos durante o ano.

Pode aumentar os riscos de crime por encomenda, pois, neste Ifá Abita queria pactuar com Arun (enfermidades) Ikú (morte) para destruir a humanidade.

Ossain defende de feitiçarias.

Avisa de abandono de domicilio, abandono de trabalhos por ambientes desgastados ou por maus tratos e insatisfações familiares.

Ifá determina a necessidade de ser inteligente para vencer os desafetos.

Aqueles que estiverem sob os preceitos de Olófin (Deus) estarão resguardados.

Recomenda não se fazer o mal a ninguém.

O dinheiro chegará inesperadamente.

Cuidado com riscos em festas a fantasias.

Vestir-se de branco sempre que possível para atrair a paz durante o ano.

Evitar a cor negra durante o ano.

Alimentar o Ori para despistar as pragas e maldições de pessoas invejosas.

A inveja e a maldade de pessoas ruins serão castigadas.

Receber a divindade Olokun para estabilização da saúde.

Ifá prevê um avanço na medicina e descobertas de cura de algumas enfermidades.

Prevê o aumento de doenças que surgem da mudança do clima, principalmente viroses.

Recorrer aos recursos de Ifá para alcançar o êxito durante o ano.

Através dos ebós chegaremos a solução de grandes problemas.

ORUNMILÁ O SÁBIO

Havia um homem chamado MINI que por seu desenvolvimento no povoado onde vivia, adquiriu muitos inimigos os quais se reuniram e acordaram em dar uma festa e convidar a MINI para poder matá-lo.

Foram ver MINI e o convidaram para a festa, mas MINI que era um homem desconfiado, suspeitou de uma cilada deles que diziam ser seus amigos. Então decidiu consultar-se com IFÁ e este lhe marcou algumas oferendas e sacrifícios com diferentes tipos de bebidas e IFÁ disse que ele bebesse e desse para que depois os seus ditos amigos inalassem somente o cheiro.

MINI fez tudo como lhe indicou IFÁ e todos seus inimigos, depois de somente inalarem o odor das bebidas, ficaram bêbados e quando MINI passou por onde estava a cilada, pôs as mãos e não caiu e seus inimigos no dia seguinte ficaram se perguntando como é que esse imbecil não tinha caído na armadilha.

Graças a IFÁ e a ORUNMILÁ MINI não caiu na cilada de seus inimigos e estes começaram a dizer que esse sim era sábio.

Maferefun ORUNMILÁ

logoIfá Ni L’Órun.. Oluwo Siwaju Evandro Otura Airá Ifá Ni lorun.

About The Author

Sérgio Carvalho se iniciou na Umbanda, pelo Babalorixá Arnaldo de Omulu (in memorian), na T.E.Nanã Buruquê, realizando sua camarinha em dezembro de 1995. Em 2001, se iniciou no Candomblé pelas mãos do Babalorixá Jô d´Osogiyan, no Asé Omin Oiyn Ilè, sendo neto de Iyá Nitinha d´Osun (in memorian), do Asé Engenho Velho - Miguel Couto - RJ. Militante em prol da defesa da religião afro-brasileira, ingressou nas fileiras do extinto IPELCY (Instituto de Pesquisas e Estudo da Língua e Cultura Yorubá), dirigido por Jairo d´Osogiyan. Exerce o cargo de Diretor de Cultura e Comunicação da ANMA - Associação Nacional de Mídia Afro. É proprietário da agência Marfim Assessoria & Eventos. Faz parte da equipe de duas das maiores premiações do jornalismo brasileiro, o Embratel e o Petrobras. É editor responsável pelo jornal web Awùre – http://www.awure.jor.br – veículo que aglutina os momentos mais importantes da cultura e religiosidade afro-brasileira.

Related posts

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *