Breaking News

As previsões para 2016

Publicado por Anneliese Pires em Notas às 10h00titular-social1

oxalá-e1451495208132

Para fazer mais – De acordo com o candomblé, 2016 será um ano regido por Oxalá, o orixá da paz. “O ano de 2016 passará mais devagar, porém será um ano com mais constância e estabilidade assim como os passos de Oxalá, que são lentos mas nunca param”, explica mãe Valda. Ainda de acordo com a mãe de santo, o ano de Oxalá consiste em estudo, reflexão e até mesmo uma boa dose de obstinação.

O intelecto tende a ser muito mais requisitado do que a força física. O aspecto positivo de 2016 é que as pessoas buscarão mais a criatividade, a intelectualidade, a sabedoria, a fé, a espiritualização, a calma e a harmonia, assim como pode haver mais tomada de consciência ��” essa última representada pelo simbolismo do Sol, o astro que regerá este ano.

Contudo, também há o aspecto negativo: preguiça, sedentarismo, desânimo e desistência tendem a ser alguns dos principais empecilhos de 2016. Desculpas e mais desculpas para procrastinar decisões importantes podem fazer com que oportunidades grandiosas, muitas vezes únicas, sejam perdidas. Mesmo que o mundo continue desajustado em diversos níveis, Oxalá rege o período em que o silêncio faz toda a diferença. No ano de 2016 será prudente fazer mais e falar menos.

Vênus é o planeta do amor
Vênus é o planeta do amor

Amor, mais amor – Marte segue como o astro regente até março, quando Vênus toma conta do universo. O planeta do amor sugere um ano de paz e harmonia, mas a taróloga Fátima Barreto alerta que Saturno na casa de Júpiter cobra dissoluções e resoluções. “Por mais que você tente fugir da verdade, ela vai encontrar você”, diz. A especialista conta ainda que será o ano da família. “Casamentos renascendo, amores antigos se reconciliando. Será o ano do amor incondicional”, conclui.

noveAtitude e otimismo – Este ano é regido pelo número 9, que sugere movimento e mudanças, nos conta o numerólogo Ulisses de Queiroz. Ele alerta: 2016 será mais fácil para quem faz, ao invés daqueles que só esperam. Portanto, é um ano que requer atitude. “A atitude vai impulsionar o movimento e trará coisas boas”, diz. Essa bonança virá, mas não do dia pra noite. Por isso será preciso otimismo; largar a mania de pensar no pior.

Amarelo, cor de ouro
Amarelo, cor de ouro

E viva o amarelo! – Segundo a cromoterapia, o ano de 2016 será dedicado ao amarelo-ouro, variação um pouco mais escura do amarelo. A cor estimula o raciocínio, a inteligência, a sabedoria, a lógica e a razão. Na dúvida, se realmente funciona ou não, vale a pena tentar.

 

Extraído do Blog Social 1/ Blogs NE10, do Jornal do Commercio / Recife – PE
http://blogs.ne10.uol.com.br/social1/2016/01/01/as-previsoes-para-2016/

About The Author

Sérgio Carvalho se iniciou na Umbanda, pelo Babalorixá Arnaldo de Omulu (in memorian), na T.E.Nanã Buruquê, realizando sua camarinha em dezembro de 1995. Em 2001, se iniciou no Candomblé pelas mãos do Babalorixá Jô d´Osogiyan, no Asé Omin Oiyn Ilè, sendo neto de Iyá Nitinha d´Osun (in memorian), do Asé Engenho Velho - Miguel Couto - RJ. Militante em prol da defesa da religião afro-brasileira, ingressou nas fileiras do extinto IPELCY (Instituto de Pesquisas e Estudo da Língua e Cultura Yorubá), dirigido por Jairo d´Osogiyan. Exerce o cargo de Diretor de Cultura e Comunicação da ANMA - Associação Nacional de Mídia Afro. É proprietário da agência Marfim Assessoria & Eventos. Faz parte da equipe de duas das maiores premiações do jornalismo brasileiro, o Embratel e o Petrobras. É editor responsável pelo jornal web Awùre – http://www.awure.jor.br – veículo que aglutina os momentos mais importantes da cultura e religiosidade afro-brasileira.

Related posts

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *