Breaking News

Assembleia condecora mãe Stella de Oxosse

Jair Mendonça Jr.  | Sex, 14/08/2015 às 22:19

 

Luciano da Matta l Ag. A TARDE Vereador Waldir Pires prestigia mãe Stella na AL-BA
Luciano da Matta l Ag. A TARDE
Vereador Waldir Pires prestigia mãe Stella na AL-BA

A religiosa Maria Stella de Azevedo Santos, a mãe Stella de Oxóssi, ialorixá do terreiro Ilê Axé Opô Afonjá, um dos mais  tradicionais de Salvador, foi agraciada, nesta sexta-feira, 14, na  Assembleia Legislativa da Bahia (AL-BA) com a maior honraria do Poder Legislativo, a Comenda 2 de Julho.

Criada em 1999, a distinção  é concedida a pessoas que contribuem para o desenvolvimento político e administrativo da Bahia e do Brasil.

Líderes religiosos, políticos e membros de vários terreiros participaram da homenagem, proposta do deputado Marcelino Galo (PT).

“É a primeira autoridade religiosa de matriz africana a receber a comenda”, disse o parlamentar. “A maioria absoluta dos deputados aprovou, não só pela liderança e capacidade intelectual dela, mas, sobretudo, pela importância cultural de mãe Stella”, acrescentou.

Presente na cerimônia, o professor e secretário de Cultura do estado, Jorge Portugal, falou  que mãe Stella “é a matriarca dessa Roma negra que é a Bahia”.

Para Portugal, ela tem “mania” de ser a primeira: “É a primeira sacerdotisa de matriz africana a ocupar uma cadeira na Academia de Letras da Bahia, a primeira a se formar em enfermagem, a primeira a ter uma coluna de opinião no Jornal A TARDE, é primeira em tudo”

 

Secretária

Representando o governador Rui Costa,  a secretária de Promoção da Igualdade Racial, Vera Lúcia Barbosa, destacou os feitos de mãe Stella. “Ela é  um marco na luta pela  igualdade racial e social e intolerância religiosa. Fez isso como ninguém, sem ofensas. É um grande exemplo de mulher”, disse.

Mãe Stella é uma das personalidades mais importantes da cultura baiana. A relevância se traduz em livros e  ações, como a criação do museu Ilê Ohun Lailai, da escola Eugênia Anna dos Santos e da feira de cultura africana Afonjá.

 

Extraído so site do Jornal A Tarde / Salvador – BA
http://www.atarde.uol.com.br/bahia/salvador/noticias/1703590-assembleia-condecora-mae-stella-de-oxossi

About The Author

Sérgio Carvalho se iniciou na Umbanda, pelo Babalorixá Arnaldo de Omulu (in memorian), na T.E.Nanã Buruquê, realizando sua camarinha em dezembro de 1995. Em 2001, se iniciou no Candomblé pelas mãos do Babalorixá Jô d´Osogiyan, no Asé Omin Oiyn Ilè, sendo neto de Iyá Nitinha d´Osun (in memorian), do Asé Engenho Velho - Miguel Couto - RJ. Militante em prol da defesa da religião afro-brasileira, ingressou nas fileiras do extinto IPELCY (Instituto de Pesquisas e Estudo da Língua e Cultura Yorubá), dirigido por Jairo d´Osogiyan. Exerce o cargo de Diretor de Cultura e Comunicação da ANMA - Associação Nacional de Mídia Afro. É proprietário da agência Marfim Assessoria & Eventos. Faz parte da equipe de duas das maiores premiações do jornalismo brasileiro, o Embratel e o Petrobras. É editor responsável pelo jornal web Awùre – http://www.awure.jor.br – veículo que aglutina os momentos mais importantes da cultura e religiosidade afro-brasileira.

Related posts

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *