Breaking News

ATITUDE O ILUSTRADOR YORHÁN ARAÚJO USOU O UNIVERSO PARA REPRESENTAR A BELEZA DOS CABELOS AFRO

A série de ilustrações ‘Universos’ tem a missão de expressar a beleza e diversidade – afinal de contas, cada pessoa é um universo diferente, certo?

atualizado em 13 de janeiro de 2016, 17:25 

por Rafael Gonzaga

Você talvez já conheça o trabalho do ilustrador Yorhán Araújo através do Facebook. Em setembro de 2015, uma das tirinhas que o rapaz de 26 anos postou em sua página Devaneios com Sigmund e Freud teve mais de 23 mil compartilhamentos e mais de 6 mil likes. Yorhán criou a página que acompanha os dramas existencialistas de um cachorro e uma raposa no começo de 2014, mas desenha desde muito novo, por influência do pai já falecido. A novidade é que o jovem resolveu lançar mais um projeto, dessa vez ligado à representatividade da identidade afro no Brasil. Através do Instagram, Yorhán postou uma série de ilustrações chamada Universos, que representa os vários estilos dos cabelos característicos de pessoas negras, enaltecendo a diversidade. Para o processo, o ilustrador mescla desenhos de galáxias, estrelas e sistemas solares nas imagens – uma forma de afirmar que cada indivíduo é um universo particular e infinito em todas suas possibilidades.

Para a série Universos, Yorhán conta que se inspirou em pessoas da própria família e em amigos, tentando fazer do próprio trabalho uma via para representar biotipos que não são tão bem retratados no mundo da cultura pop. “Essa série eu queria fazer tem tempo, mas nunca me vi representado em ilustrações e quis expôr nessas ilustrações toda diversidade dos cabelos afros. Então desenho desde pequeno, mas sempre tive vontade de fazer algo como HQs ou tirinhas. Em 2014, comecei a fazer um zine digital onde teriam vários personagens e eles eram um dos personagens do Sigmund e Freud. Antes de lançar, vi que a Revista Bula postava tirinhas, aí fiz uma no mesmo dia e enviei. Eu realmente achei que eles nem ligariam, mas eles postaram quase na mesma hora, e eu como o grande planejador que sou, não tinha página feita. Aí criei a página e comecei, fiquei o primeiro ano inteiro postando tirinhas todos os dias. E deu certo, mesmo eu realmente não contando com isso”, explica.

O mais legal é que o novo projeto tem rendido uma boa repercussão para o rapaz. Além dos elogios, algumas pessoas têm feito pedidos especiais ao rapaz com os desenhos da série Universos.  “Eu ando recebendo algumas encomendas e isso é ótimo por que, até então, eu ganhava a vida como designer gráfico, editor de vídeos e trabalhando às vezes com eventos de fotografia e filmagem. Ver que as pessoas estão dando valor a arte é ótimo, as pessoas costumam desvalorizar muito trabalhos artísticos”, contou. Se liga nos desenhos do rapaz:

Imagem: Reprodução/ Instagram
Imagem: Reprodução/ Instagram
Imagem: Reprodução/ Instagram
Imagem: Reprodução/ Instagram
Imagem: Reprodução/ Instagram
Imagem: Reprodução/ Instagram
Imagem: Reprodução/ Instagram
Imagem: Reprodução/ Instagram
Imagem: Reprodução/ Instagram
Imagem: Reprodução/ Instagram
Imagem: Reprodução/ Instagram
Imagem: Reprodução/ Instagram
Imagem: Reprodução/ Instagram
Imagem: Reprodução/ Instagram

Curtiu? Então não deixe de acompanhar o trabalho do rapaz pelo Instagram oficial dele – e fique de olho também na página Devaneios com Sigmund e Freud.

 

Extraído do Blog Elástica, da Abril Editora / São Paulo – SP
http://elastica.abril.com.br/o-ilustrador-yorhan-araujo-usou-o-universo-para-representar-a-beleza-dos-cabelos-afro

About The Author

Sérgio Carvalho se iniciou na Umbanda, pelo Babalorixá Arnaldo de Omulu (in memorian), na T.E.Nanã Buruquê, realizando sua camarinha em dezembro de 1995. Em 2001, se iniciou no Candomblé pelas mãos do Babalorixá Jô d´Osogiyan, no Asé Omin Oiyn Ilè, sendo neto de Iyá Nitinha d´Osun (in memorian), do Asé Engenho Velho - Miguel Couto - RJ. Militante em prol da defesa da religião afro-brasileira, ingressou nas fileiras do extinto IPELCY (Instituto de Pesquisas e Estudo da Língua e Cultura Yorubá), dirigido por Jairo d´Osogiyan. Exerce o cargo de Diretor de Cultura e Comunicação da ANMA - Associação Nacional de Mídia Afro. É proprietário da agência Marfim Assessoria & Eventos. Faz parte da equipe de duas das maiores premiações do jornalismo brasileiro, o Embratel e o Petrobras. É editor responsável pelo jornal web Awùre – http://www.awure.jor.br – veículo que aglutina os momentos mais importantes da cultura e religiosidade afro-brasileira.

Related posts

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *