Breaking News

Cerimônia no IGHB oficializa devolução de cadeira sagrada

Yuri Silva | Qua, 28/10/2015 às 22:30

 

 

 

Raul Spinassé l Ag. A TARDE Membros do Instituto Geográfico e Histórico devolvem cadeira a bisneto de Jubiabá
Raul Spinassé l Ag. A TARDE
Membros do Instituto Geográfico e Histórico devolvem cadeira a bisneto de Jubiabá

A cerimônia de devolução da cadeira do tata de inquice (pai de santo) Severino Manoel de Abreu, conhecido na Bahia como Jubiabá, ocorreu nesta quarta-feira, 28, na sede do Instituto Geográfico e Histórico (IGHB), na Piedade.

Autoridades do governo, intelectuais, membros da entidade e líderes religiosos prestigiaram o evento, no qual um comodato foi assinado pelas partes.

Essa foi a primeira vez que um objeto apreendido por batidas policiais em terreiros de candomblé retornou para os donos originais ou descendentes.

O tata de inquice Anselmo dos Santos, bisneto de Jubiabá na tradição religiosa, afirmou que o momento era especial, de reparação aos antepassados. “É como uma nova entronização dele. A cadeira do pai de santo é o símbolo de poder no candomblé”, disse.

Entre os presentes estava o presidente do IGHB, o empresário Eduardo Morais de Castro, e o presidente de honra da entidade, o ex-governador Roberto Santos.

Em discurso, Castro destacou a atuação do órgão na defesa da diversidade e elogiou Santos por ter decretado em seu governo a lei que descriminalizou os candomblés na Bahia. “Essa devolução tem uma importância simbólica enorme e é um gesto na direção da liberdade de culto”, afirmou.

A cadeira de Jubiabá foi apreendida em 1920 e chegou ao IGHB cinco anos depois, onde ela ficou até esta quarta. Após 95 anos longe de ambientes religiosos, o objeto foi para o memorial instalado no Terreiro Mokambo, no Trobogy. Cerimônias de ressacralização do móvel aconteceram durante todo o dia. Um ritual com danças e cantigas, chamado de jameresu, encerrou a festa.

 

 

Extraído do site do Jornal A Tarde / Salvador – BA
http://atarde.uol.com.br/bahia/noticias/1722756-cerimonia-no-ighb-oficializa-devolucao-de-cadeira-sagrada

About The Author

Sérgio Carvalho se iniciou na Umbanda, pelo Babalorixá Arnaldo de Omulu (in memorian), na T.E.Nanã Buruquê, realizando sua camarinha em dezembro de 1995. Em 2001, se iniciou no Candomblé pelas mãos do Babalorixá Jô d´Osogiyan, no Asé Omin Oiyn Ilè, sendo neto de Iyá Nitinha d´Osun (in memorian), do Asé Engenho Velho - Miguel Couto - RJ. Militante em prol da defesa da religião afro-brasileira, ingressou nas fileiras do extinto IPELCY (Instituto de Pesquisas e Estudo da Língua e Cultura Yorubá), dirigido por Jairo d´Osogiyan. Exerce o cargo de Diretor de Cultura e Comunicação da ANMA - Associação Nacional de Mídia Afro. É proprietário da agência Marfim Assessoria & Eventos. Faz parte da equipe de duas das maiores premiações do jornalismo brasileiro, o Embratel e o Petrobras. É editor responsável pelo jornal web Awùre – http://www.awure.jor.br – veículo que aglutina os momentos mais importantes da cultura e religiosidade afro-brasileira.

Related posts

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *