Breaking News

Conheça 4 projetos brasileiros que ganharam R$ 4 milhões do Google

Por Redação Olhar Digital – em 08/05/2014 às 16h05

 

imagem
(Foto: Reprodução)

O Google apresentou hoje os vencedores do Desafio de Impacto Social, competição que convidou organizações brasileiras sem fins lucrativos a propor projetos capazes de gerar impacto positivo no Brasil, com o uso da tecnologia. Os vencedores do prêmio de R$ 1 milhão, cada, selecionados pelo corpo de jurados foram:

Meu Rio, cujo projeto “Rede Minha Cidade” utilizará aplicativos para fomentar engajamento cívico em cidades e comunidades urbanas.

Conservation International do Brasil, que propõe tornar a pesca em comunidades extrativistas mais sustentável, através de um aplicativo que permitirá identificar, por meio de rótulos fixados nos peixes, qual a origem do pescado e o método de pescaria.

Instituto Zero a Seis, que trouxe um projeto que fará envio personalizado de mensagens SMS para gestantes e mães de bebês de zero à três anos, a fim de apoiar o desenvolvimento na primeira infância.

 

Uma votação aberta na internet, na qual 475 mil votos foram registrados, elegeu como projeto favorito do público o Geledés Instituto da Mulher Negra, que desenvolverá um app com recursos como a geocalização para apoiar mulheres em situação de vulnerabilidade à violência doméstica. O instituto também  receberá um prêmio de R$ 1 milhão e suporte do Google para tornar seu projeto realidade.

 

Além disto, em reconhecimento à qualidade dos 10 projetos, a diretora do Google.org Jacquelline Fuller, anunciou ainda um prêmio de R$ 500 mil para cada um dos outros 6 finalistas, totalizando R$ 7 milhões em prêmios para ONGs brasileiras.

 

Todos os 10 finalistas do Desafio de Impacto Social Google | Brasil apresentaram seus projetos ao vivo a um painel de jurados que incluiu, além de Jacquelline Fuller, o apresentador de TV Luciano Huck, a empreendedora social Viviane Senna, e o rapper MV Bill. Além deles, o empresário Josué Gomes participou da votação.

 

“Esta foi uma oportunidade de mostrar ao mundo como os brasileiros são criativos e ousados”, declarou Fabio Coelho,diretor-geral do Google Brasil e mentor local do Desafio. “O Desafio de Impacto Social Google tem por objetivo celebrar e acelerar as melhores inovações tecnológicas desenvolvidas por mentes brilhantes com a meta de gerar impacto positivo na sociedade. Parabenizamos todos os vencedores e desejamos sucesso na transformação de seus projetos em realidade”, concluiu.

 

Para estimular o sucesso de todas as entidades reconhecidas pelo Desafio de Impacto, oferecendo ajuda, orientação e recursos, o Google fará ainda uma doação para a SITAWI Finanças do Bem. Nos próximos seis meses, a SITAWI vai trabalhar, em parceria com a Cria, e  junto com os gerentes de organizações sem fins lucrativos do Google para oferecer treinamento e orientação aos 10 finalistas como pontapé inicial de seus projetos.

Extraído do site Olhar Digital

http://olhardigital.uol.com.br/noticia/conheca-4-projetos-brasileiros-que-ganharam-r-4-milhoes-do-google/41892

About The Author

Sérgio Carvalho se iniciou na Umbanda, pelo Babalorixá Arnaldo de Omulu (in memorian), na T.E.Nanã Buruquê, realizando sua camarinha em dezembro de 1995. Em 2001, se iniciou no Candomblé pelas mãos do Babalorixá Jô d´Osogiyan, no Asé Omin Oiyn Ilè, sendo neto de Iyá Nitinha d´Osun (in memorian), do Asé Engenho Velho - Miguel Couto - RJ. Militante em prol da defesa da religião afro-brasileira, ingressou nas fileiras do extinto IPELCY (Instituto de Pesquisas e Estudo da Língua e Cultura Yorubá), dirigido por Jairo d´Osogiyan. Exerce o cargo de Diretor de Cultura e Comunicação da ANMA - Associação Nacional de Mídia Afro. É proprietário da agência Marfim Assessoria & Eventos. Faz parte da equipe de duas das maiores premiações do jornalismo brasileiro, o Embratel e o Petrobras. É editor responsável pelo jornal web Awùre – http://www.awure.jor.br – veículo que aglutina os momentos mais importantes da cultura e religiosidade afro-brasileira.

Related posts

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *