Breaking News

Consulesa da França no Brasil confirma visita a comunidade tradicional de matriz africana

Visita proporcionará encontro de povos e comunidades tradicionais

 

Do Inzo Tumbansi

Publicado há 1 dia – em 1 de dezembro de 2015 » Atualizado às 10:24

 

Alexandra-Loras-755x480

Itapecerica da Serra/SP – Encontro de Povos e Comunidades Tradicionais de Matriz Africana objetiva identificar desafios e ações de enfrentamento ao racismo, considerado inimigo comum e refletir sobre a necessidade de se estabelecer estratégias articuladas de resistência frente a tanta violência sofrida por povos e comunidades tradicionais de matriz africana, os povos de terreiros. Este encontro será realizado dia 12 de dezembro deste ano, a partir das13h00, na sede do ILABANTU/Nzo Tumbansi, a Rodovia Armando Salles, 5205, Recreio Campestre, Itapecerica da Serra, região metropolitana de São Paulo.

“Nos organizamos em torno da luta pela garantia de nossos territórios e em defesa do direito de continuarmos vivendo de acordo com o modo que escolhemos para viver que busca promover o desenvolvimento sustentável, com ênfase no reconhecimento, fortalecimento e garantia de direitos territoriais, sociais, ambientais, econômicos e culturais, com respeito e valorização à nossa identidade, formas de organização e instituições”, disse o Taata Katuvanjesi – Walmir Damasceno.

O evento que ocorrerá em função do projeto do Ilabantu, organização de fortalecimento político-institucional de povos e comunidades tradicionais de matriz africana, e contará com a participação de lideranças do “povo-de-santo”, o Terreiro de Candomblé, espaço onde acontecerá o encontro, receberá uma visita especial, a consulesa da França no Brasil, Alexandra Loras, que confirmou presença e prepara-se para visitar pela primeira vez uma Comunidade Tradicional de Matriz Africana, conhecida por Terreiro de Candomblé.

A visita de Alexandra Loras se dá em virtude de seu destacado engajamento em projetos sociais, Alexandra será a responsável por uma fala magistral aos povos de terreiros presentes ao evento.

Alexandra vai dividir sua história de experiências extremas com o público. Na revista Marie Claire de outubro, a consulesa conta como é ser a única filha negra, entre cinco filhos, de uma mãe de família parisiense, aristocrata, milionária e com valores conservadores; e a perda de dois filhos na gravidez antes de dar à luz um menino loiro. Ela também fala sobre a vida no Jardim Europa, bairro nobre da capital paulista, o preconceito sofrido pelas socialites e as visitas que faz às presidiárias francesas nas cadeias paulistanas.

Alexandra Baldeh Loras, cônsul-geral da França no Brasil, Damien Loras e Rafael, de 2 anos e meio
Alexandra Baldeh Loras, cônsul-geral da França no Brasil, Damien Loras e Rafael, de 2 anos e meio

SERVIÇO:

Dia 12/12/2015
Horário: das 13:00 às 20:00 horas
Local: Rodovia Armando Salles, 5205 – Recreio Campestre – Itapecerica da Serra/SP
Informações:
(11) 9 9339.1977 – (11) 9 4701.2106 – (11) 4321.6572 – (11) 4165.4333

ASCOM/ILABANTU

 

Leia a matéria completa em: Consulesa da França no Brasil confirma visita a comunidade tradicional de matriz africana – Geledés http://www.geledes.org.br/consulesa-da-franca-no-brasil-confirma-visita-a-comunidade-tradicional-de-matriz-africana/#ixzz3tCigGH8g
Follow us: @geledes on Twitter | geledes on Facebook

 

Extraído do portal afro Geledés
http://www.geledes.org.br/consulesa-da-franca-no-brasil-confirma-visita-a-comunidade-tradicional-de-matriz-africana/?utm_source=Atualiza%C3%A7%C3%A3o+Di%C3%A1ria+Geled%C3%A9s&utm_medium=email&utm_campaign=cbc277b59c-RSS-NEWS-Portal-Geledes&utm_term=0_b0800116ad-cbc277b59c-354029485#gs.O73KsSQ

About The Author

Sérgio Carvalho se iniciou na Umbanda, pelo Babalorixá Arnaldo de Omulu (in memorian), na T.E.Nanã Buruquê, realizando sua camarinha em dezembro de 1995. Em 2001, se iniciou no Candomblé pelas mãos do Babalorixá Jô d´Osogiyan, no Asé Omin Oiyn Ilè, sendo neto de Iyá Nitinha d´Osun (in memorian), do Asé Engenho Velho - Miguel Couto - RJ. Militante em prol da defesa da religião afro-brasileira, ingressou nas fileiras do extinto IPELCY (Instituto de Pesquisas e Estudo da Língua e Cultura Yorubá), dirigido por Jairo d´Osogiyan. Exerce o cargo de Diretor de Cultura e Comunicação da ANMA - Associação Nacional de Mídia Afro. É proprietário da agência Marfim Assessoria & Eventos. Faz parte da equipe de duas das maiores premiações do jornalismo brasileiro, o Embratel e o Petrobras. É editor responsável pelo jornal web Awùre – http://www.awure.jor.br – veículo que aglutina os momentos mais importantes da cultura e religiosidade afro-brasileira.

Related posts

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *