Breaking News

Do terreiro para a internet: O canal de Mãe Stella de Oxóssi no YouTube

Aos 92 anos, a ialorixá começou a compartilhar conhecimentos por meio da vídeos na plataforma.

02/10/2017 11:23 -03 | Atualizado 02/10/2017 12:09 -03

 

Amauri TertoRepórter de Entretenimento do HuffPost Brasil

REPRODUÇÃO/YOUTUBE
Referência no assunto, Stella de Oxóssi é imortal da Academia de Letras da Bahia.

Aos 92 anos, Mãe Stella de Oxóssi é hoje uma das youtubers mais velhas do mundo.

No final de setembro, a ialorixá abriu um canal na plataforma para compartilhar depoimentos, memórias e ensinamentos do candomblé – religião brasileira de matriz africana que cultua os orixás.

A mãe de santo é referência no assunto. Tem 10 livros baseados na tradição oral da cultura Iorubá e é imortal da Academia de Letras da Bahia.

Se terreiro, Ilê Axé Opô Afonjá, também é célebre. Fica em Salvador, na Bahia e foi tombado em 2000 pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional.

“Eu quero fazer uma mistura onde junte a verdade com a consciência de sabedoria para que fique sempre fixo em nosso juízo (…) Com fé no divino esse canal vai ser sucesso”, diz mãe Stella Oxóssi no vídeo de apresentação do canal. Veja abaixo:

Além do vídeo de apresentação, o canal já reúne outros quatro registros. Em um deles, a atriz Cassia Vale interpreta textos da mãe de santo. Assista no player abaixo:

O cardápio de vídeos promete ser variado.

Em breve, os assinantes do canal Da Cabeça de Mãe Stella acompanharão também testemunhos de artistas como Margareth Menezes sobre encontros com a ialorixá, curiosidades sobre ela e mitos da cultura Iorubá narrados por iniciados no candomblé.

“Como hoje em dia, por causa da idade, não posso mais atender como antes, falo com meus filhos agora através da internet”, disse a mãe de santo ao jornal O Globo.

E não é só no YouTube que Mãe Stella de Oxóssi compartilha seus conhecimentos a fim de aproximar o candomblé do grande público.

Em maio, ela lançou o aplicativo para Android Mãe Stella: Uma Vida em Movimento.

O app gratuito traz áudios com mensagens motivacionais da ialorixá, vídeos, galeria de fotos, além de seis dos 10 livros da ialorixá em formato e-book.

 

Extraído do site de notícias Huff Post Brasil
http://www.huffpostbrasil.com/2017/10/02/do-terreiro-para-a-internet-o-canal-de-mae-stella-de-oxossi-no-youtube_a_23229755/

About The Author

Sérgio Carvalho se iniciou na Umbanda, pelo Babalorixá Arnaldo de Omulu (in memorian), na T.E.Nanã Buruquê, realizando sua camarinha em dezembro de 1995. Em 2001, se iniciou no Candomblé pelas mãos do Babalorixá Jô d´Osogiyan, no Asé Omin Oiyn Ilè, sendo neto de Iyá Nitinha d´Osun (in memorian), do Asé Engenho Velho - Miguel Couto - RJ. Militante em prol da defesa da religião afro-brasileira, ingressou nas fileiras do extinto IPELCY (Instituto de Pesquisas e Estudo da Língua e Cultura Yorubá), dirigido por Jairo d´Osogiyan. Exerce o cargo de Diretor de Cultura e Comunicação da ANMA - Associação Nacional de Mídia Afro. É proprietário da agência Marfim Assessoria & Eventos. Faz parte da equipe de duas das maiores premiações do jornalismo brasileiro, o Embratel e o Petrobras. É editor responsável pelo jornal web Awùre – http://www.awure.jor.br – veículo que aglutina os momentos mais importantes da cultura e religiosidade afro-brasileira.

Related posts

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *