Breaking News

Dupla faz arrastão em terreiro de umbanda e agride pai de santo

08/07/14, 14:06

Frequentadores de um terreiro de umbanda foram mantidos reféns durante assalto no início da tarde desta terça-feira (08), no Bairro Dirceu II. De acordo com vizinhos, houve troca de tiros e o pai de santo, titular do centro religioso, ainda teria sido agredido por uma dupla, apontada pela Polícia Militar como responsável pela ação.

Os acusados do roubo foram identificados como Elias Dias Lima, 20 anos, e K.H.A.A.S , 16 anos. Com eles foi encontrado uma arma de fogo (calibre ainda não revelado), munição e os pertences levados do terreno. Os jovens foram levados à Central de Flagrantes.

2
Foto: Lucas Marreiros

1
Foto: Lucas Marreiros

“Eles foram presos próximo a quadra 234 no bairro Dirceu II. Com eles, a polícia apreendeu um saco de moedas. A dupla também é suspeita de assaltar um farmácia no bairro Renascença e foram levados para reconhecimento”, disse o cabo Roniere Pessoa. De acordo com testemunhas, um outro jovem também teria participado da ação e fugido em uma motocicleta.

IMG_8776
Foto: Lucas Marreiros
IMG_8771
Foto: Lucas Marreiros

Tudo que fui subtraído foi recuperado e será devolvido. A Polícia foi acionada pelo Copom e militares cabo Marques, soldado Lima e a soldado Cleide, do GTAP, foram os responsáveis por efetuar a prisão e a detenção do menor.

“Quando chegamos ao local, os acusados já estavam de saída. Eles foram flagrados e foi aí que efetuamos a prisão”, conta o cabo Marques.

Graciane Sousa e Luas Marreiros (Especial para o Cidadeverde.com)
redacao@cidadeverde.com

 

Extraído do site Cidade Verde, do Estado do Piauí

http://cidadeverde.com/dupla-faz-arrastao-em-terreiro-de-umbanda-e-agride-pai-de-santo-167435

About The Author

Sérgio Carvalho se iniciou na Umbanda, pelo Babalorixá Arnaldo de Omulu (in memorian), na T.E.Nanã Buruquê, realizando sua camarinha em dezembro de 1995. Em 2001, se iniciou no Candomblé pelas mãos do Babalorixá Jô d´Osogiyan, no Asé Omin Oiyn Ilè, sendo neto de Iyá Nitinha d´Osun (in memorian), do Asé Engenho Velho - Miguel Couto - RJ. Militante em prol da defesa da religião afro-brasileira, ingressou nas fileiras do extinto IPELCY (Instituto de Pesquisas e Estudo da Língua e Cultura Yorubá), dirigido por Jairo d´Osogiyan. Exerce o cargo de Diretor de Cultura e Comunicação da ANMA - Associação Nacional de Mídia Afro. É proprietário da agência Marfim Assessoria & Eventos. Faz parte da equipe de duas das maiores premiações do jornalismo brasileiro, o Embratel e o Petrobras. É editor responsável pelo jornal web Awùre – http://www.awure.jor.br – veículo que aglutina os momentos mais importantes da cultura e religiosidade afro-brasileira.

Related posts

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *