Breaking News

Duque de Caxias será palco da terceira edição do Mama África

Texto: Sérgio d´Giyan | Atualizado em 12 12 2015 16:04

 

Na próxima segunda-feira (14)  acontece a terceira edição do Mama África Raízes Pulsantes nas Veias Brasileiras, que será realizado nos dias 14 a 16/12 nas instalações da FEUDUC – Fundação Educacional de Duque de Caxias. O evento que terá entrada franca fará uma singela homenagem aos irmãos e irmãs africanos negros que vieram para Brasil trazendo suas bagagens culturais que tanto enriqueceram nossa cultura brasileira.

Diversas atividades estão previstas para essa edição, dentre elas uma mesa de debates sobre Religiosidade, Relações Brasil e África, Políticas Públicas, Mulheres de Ação e Empreendedorismo no segmento afro-brasileiro, mostra de cinema negro, apresentações artísticas de danças populares de samba de roda, samba de caboclo, jongo, afoxé, dança afro, oficinas de turbantes e tranças e expositores de artigos e produtos afros, além de outras atrações.

Segundo o Diretor do Instituto ORI e Presidente da ANMA – Associação Nacional de Mídia Afro, o babalorixá e escritor Márcio de Jagun, o evento é uma iniciativa positiva e fortalece as raízes da cultura afro-brasileira proporcionando uma reflexão das liturgias da nossa religiosidade, principalmente no momento atual que estamos. Marcio de Jagun participará da sessão de autógrafos do seu livro ORI – a cabeça como divindade, às 17h30, dia 14.

 

Capa do livro Ori: A cabeça como divindade, de Marcio de Jagun. Imagem de arquivo
Capa do livro Ori: A cabeça como divindade, de Marcio de Jagun. Imagem de arquivo

 

 

O Mama África foi Idealizado por Bianca Mello, Produtora Cultural, e terá a Co-Produção de João Lacurte e Valéria Felizardo, e a realização será de Bianca Mello Produções Culturais. Quem estiver interessado na participação ativa pode entrar em contato com a produção no celular 21 97513-7717.

 

Evento: MAMA ÁFRICA – 14 a 16/12

Local: FEUDUC – Fundação Educacional de Duque de Caxias

Endereço:  Av. Leonel de Moura Brizola, 9442 – São Bento – Duque de Caxias

Horário: 13:00 às 21:00 h – Entrada Franca

 

PROGRAMAÇÃO – 13:00 às 21:00 h

 

DIA: 14/12 – RELAÇÕES BRASIL E ÁFRICA 

14:00 – Solenidade de Abertura do Evento – Bianca Mello e Prof. Nielson Rosa Bezerra

15:00 – Roda de Conversas: Empreendedorismo no seguimento Afro-Brasileiro – Bianca Mello e Mara de Iyemanjá

17:30 – Autógrafos com Márcio de Jagun com seu livro ORÍ A Cabeça como Divindade

18:00 – Mesa: Relações Brasil e África: Diáspora Africana no Brasil e Intercâmbios Culturais

Convidados: Prof. Nielson Rosa Bezerra, Márcio de Jagun e Sergio d´Giyan (Jornal Awùre)

Mediadora: Prof. Antonia Paula – Historiadora e Pesquisadora

20:00 – Apresentação de Afoxé com o grupo Raiz de Verdade.

Obs.: Serão emitidos certificados aos participantes das mesas de debates.

 

DIA: 15/12 – RESPEITO E LIBERDADE RELIGIOSA

14:30 – Mostra de Filme sobre Religião de Matrizes Africanas

15:00 – Roda de Conversas: Ações Afirmativas para o respeito religioso

15:00 – Oficinas de Turbantes e  Amarrados

18:00 – Mesa: Respeito e Liberdade Religiosa: Direitos dos Povos de Matrizes Africanas:

Convidadas: Iyá Edelzuita de Osogyan e Iyá Mara de Iyemanjá

Mediador: Luis Renato – Historiador e Pesquisador

20:00 – Apresentação Artística Xirê dos Orixás e Cânticos de Umbanda

Obs.: Serão emitidos certificados aos participantes das mesas de debates.

 

16/12 – A MULHER NA SOCIEDADE ANCESTRAL E ATUAL

14:30 – Mostra de Filme sobre os Quilombos

15:00 – Roda de Conversas: Ações Afirmativas para desenvolvimento dos Quilombos

16:00 – Oficinas de Tranças e Turbantes

17:00 – Desfile de Moda Africana – Roupas e Acessórios diversos

18:00 – Mesa: A Mulher na Sociedade Ancestral e Atual – Cultura e Cotidiano

Convidadas: Érika Pinheiro, Yaporan Araújo e Mara de Iyemanjá

Mediador: Alan Cravo – Historiador e Pesquisador

20:00 – Apresentação Artística Samba de Roda e Cânticos Sagrados

21:00 – Encerramento oficial do evento.

Obs.: Serão emitidos certificados aos participantes das mesas de debates.

 

12358449_786535048140966_1218604522_n

Fonte: Release Produção

About The Author

Sérgio Carvalho se iniciou na Umbanda, pelo Babalorixá Arnaldo de Omulu (in memorian), na T.E.Nanã Buruquê, realizando sua camarinha em dezembro de 1995. Em 2001, se iniciou no Candomblé pelas mãos do Babalorixá Jô d´Osogiyan, no Asé Omin Oiyn Ilè, sendo neto de Iyá Nitinha d´Osun (in memorian), do Asé Engenho Velho - Miguel Couto - RJ. Militante em prol da defesa da religião afro-brasileira, ingressou nas fileiras do extinto IPELCY (Instituto de Pesquisas e Estudo da Língua e Cultura Yorubá), dirigido por Jairo d´Osogiyan. Exerce o cargo de Diretor de Cultura e Comunicação da ANMA - Associação Nacional de Mídia Afro. É proprietário da agência Marfim Assessoria & Eventos. Faz parte da equipe de duas das maiores premiações do jornalismo brasileiro, o Embratel e o Petrobras. É editor responsável pelo jornal web Awùre – http://www.awure.jor.br – veículo que aglutina os momentos mais importantes da cultura e religiosidade afro-brasileira.

Related posts

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *