Breaking News

Embu das Artes: Mês da Consciência Negra terá marcha, oficina de turbante e encontro

 

por Rita de Biaggio
03/11/2015

2015.11.04-15.32.20

 

A programação do Mês da Consciência Negra 2015 em Embu das Artes, que vai de 6 a 22 de novembro, está repleta de atividades importantes. A principal delas, será a Marcha Nacional das Mulheres Negras – Brasília, nos dias 17, 18, 19/11. A Marcha vem sendo construída desde 2011 e será uma homenagem às ancestrais africanas e em defesa da cidadania plena das mulheres negras brasileiras. As Assessorias de Igualdade Racial de Embu das Artes, Itapecerica da Serra e Taboão da Serra estão organizando a participação das cidades na marcha (mais informações pelo telefone 4785-3587).

Outra atividade que deve atrair muito público, principalmente o feminino, será a  “Oficina de Turbante Preta Rainha por Débora Marçal”, com Débora Marçal, co-fundadora da Capulanas – Cia de Arte Negra, coreógrafa e figurinista do Instituto Umoja. É designer e fundadora da marca Preta Rainha que desenvolve bolsas, acessórios, roupas e figurinos a partir do diálogo entre a estética africana, diaspórica, popular, entre outras.

O Mês da Consciência Negra também terá  oficina de Contos Africanos e palestra sobre os danos psicossociais causados pelo racismo e nos dias 20, 21 e 22/11, o Parque Francisco Rizzo recebe o II Águas de Embu das Artes e Feira Afro e de Povos Tradicionais. O primeiro encontro ocorreu em 2014 com a vinda do Rei de Ifon da Nigéria, momento em que se potencializou as discussões e debates da importância das políticas para os povos e comunidades tradicionais de matriz africana e teve como marco a primeira caminhada pelo sagrado com a consagração das águas no Parque Francisco Rizzo e do plantio do Baobá no Parque da Várzea – futuras instalações do Território denominado Complexo dos Povos.

Este ano, a II Águas de Embu das Artes virá consagrar os territórios sagrados para os Povos de Matriz Africana e promover a primeira Feira Afro Tradicional com ações de âmbito cultural e tradicional com espaços para artesanato, apresentações artísticas, debates e palestras. A I Feira Afro tem objetivo de fomento, divulgação e venda dos trabalhos e produtos produzidos pelos povos tradicionais e cultura afro-brasileira (culinária, pintura, artesanato e atividades culturais).

Confira a programação:

Dia 06/11 – 14h – Roda de Conversa com as Mulheres Negras – Rumo à Marcha Nacional das Mulheres Negras – Por que marchamos? 
Kika Silva – Comitê Nacional da Marcha das Mulheres Negras.
Local: Centro de Referência da Mulher – rua Dona Bernardina, 37 – Jd. Arabutan
Organização Regional: Secretaria da Assistência Social, Trabalho e Qualificação Profissional – Assessoria de Igualdade Racial – Embu das Artes, Coordenadoria de Igualdade Racial – Itapecerica da Serra, Coordenadoria de Igualdade Racial – Taboão da Serra.

Dia 09/11 – 14h – “Os danos psicossociais causados pelo racismo” 
Palestrante: Alessandra Desigant – Socióloga, Coordenadora de Projetos no Instituto Pilar, Facilitadora de Práticas Restaurativas, Pós-Graduada em Infância e Violência Doméstica contra crianças e adolescentes.
Local: Sala do Espaço dos Conselhos –Parque Francisco Rizzo – rua Alberto Giosa, 390
Organização: Conselho Municipal de Promoção da Igualdade Racial

Dias 17, 18, 19/11 – Marcha Nacional das Mulheres Negras – Brasília
A Marcha foi idealizada no Tulip Inn Hotel, Salvador (BA), por ocasião do Encontro Paralelo da Sociedade Civil para o Afro XXI: Encontro Ibero Americano do Ano dos Afrodescendentes (16 a 20 de novembro de 2011) e será construída até 18 de novembro de 2015. Trata-se de uma iniciativa de articular as mulheres negras brasileiras. A intenção é aglutinar o máximo de organizações de mulheres negras, assim como outras organizações do Movimento Negro, sem dispensar o apoio de organizações de mulheres e de todo tipo de organização que apoiem a equidade sociorracial e de gênero. Marcharemos em homenagem às nossas ancestrais e em defesa da cidadania plena das mulheres negras brasileiras.
Organização Regional: Secretaria da Assistência Social, Trabalho e Qualificação Profissional- Assessorias de Igualdade Racial de Embu das Artes,Itapecerica da Serra e Taboão da Serra.

Dias 12, 13, 14, 19, 20 e 21/11/2015 – Sessão de Cinema – CEU das Artes – Quintas, às 19hs, Sexta, às 19hs e Sábados, às 12h, 15h e 19h   
Organização: Secretaria de Assistência Social, Trabalho e Qualificação Profissional – Assessoria de Promoção da Igualdade Racial e Secretaria de Cultura
Local: CEU Jardim do Colégio, rua Ursa Maior, s/nº

Dia 13/11 – 13h30h – “Oficina de Turbante Preta Rainha por Débora Marçal” 
Oficineira: Débora Marçal é Co-fundadora da Capulanas – Cia de Arte Negra, coreógrafa e figurinista do Instituto Umoja. É designer e fundadora da marca Preta Rainha que desenvolve bolsas, acessórios, roupas e figurinos a partir do diálogo entre a estética africana, diaspórica, popular entre outras.
Ministra oficinas de tranças, turbantes, danças brasileiras, afro-brasileira e dança negra contemporânea.
Local: Centro de Referência da Mulher, rua Dona Bernardina, 37 – Jd. Arabutan
Organização: Secretaria de Assistência Social, Trabalho e Qualificação Profissional – Assessoria de Promoção da Igualdade Racial

Dia 16/11 – 10h30 – Oficina de Contos Africanos – Contação de História no CEU das Artes
Com Jerusa Machado Gomes – É Arte Educadora e Professora de Educação Física, Pós-Graduada em Nutrição Esportiva – Cursando Extensão em Políticas de promoção igualdade Racial na Escola – Unifesp e Infância, Educação e Desenvolvimento Social no Instituto Singularidades. Atualmente, trabalha como Professora Educadora no Sesc Itaquera com atividades socioeducativas e Jussara Machado, Pedagoga, professora aposentada da rede municipal e Arte Educadora.
Organização: Secretaria de Assistência Social, Trabalho e Qualificação Profissional – Assessoria de Promoção da Igualdade Racial e Secretaria de Cultura
Local: CEU Jardim do Colégio – rua Ursa Maior, s/nº

Dia 23/11 – 14h – Oficina de Contos Africanos – Contação de História no CEU das Artes 
Com Jerusa Machado Gomes e Jussara Machado
Organização: Secretaria de Assistência Social, Trabalho e Qualificação Profissional – Assessoria de Promoção da Igualdade Racial e Secretaria de Cultura
Local: CEU Jardim do Colégio, rua Ursa Maior, s/nº

Dias 20, 21 e 22/11 – II Águas de Embu das Artes e Feira Afro e de Povos Tradicionais – Parque Francisco Rizzo

Dia 20/11 – a partir das 10h – Abertura com a II Águas de Embu das Artes com Reverência ao Sagrado, Roda e Cantigas Tradicionais Africanas e Samba de Roda
Local: Parque Francisco Rizzo, rua Alberto Giosa, 320
Organização: Conselho dos Povos Tradicionais de Matriz Africana de Embu das Artes e Apoio de várias secretarias

Dias 21 e 22/11 – 10h – Abertura da Exposição e I Feira Afro Tradicional com produtos africanos, arte e artesanato; apresentações culturais e comidas tradicionais africanas  
Local: Parque Francisco Rizzo, rua Alberto Giosa, 320
Organização: Conselho dos Povos Tradicionais de Matriz Africana de Embu das Artes e Apoio de várias secretarias

Dia 22/11 – 14h – Roda de Conversa “Pós Marcha das Mulheres Negras” e Oficina de Turbante Preta Rainha por Débora Marçal” 
Local: Parque Francisco Rizzo, rua Alberto Giosa, 320
Organização: Secretaria de Assistência Social, Trabalho e Qualificação Profissional – Assessoria de Promoção da Igualdade Racial

 

Extraído do portal da Prefeitura de Embu das Artes – SP
http://embudasartes.sp.gov.br/noticia/ver/8384

About The Author

Sérgio Carvalho se iniciou na Umbanda, pelo Babalorixá Arnaldo de Omulu (in memorian), na T.E.Nanã Buruquê, realizando sua camarinha em dezembro de 1995. Em 2001, se iniciou no Candomblé pelas mãos do Babalorixá Jô d´Osogiyan, no Asé Omin Oiyn Ilè, sendo neto de Iyá Nitinha d´Osun (in memorian), do Asé Engenho Velho - Miguel Couto - RJ. Militante em prol da defesa da religião afro-brasileira, ingressou nas fileiras do extinto IPELCY (Instituto de Pesquisas e Estudo da Língua e Cultura Yorubá), dirigido por Jairo d´Osogiyan. Exerce o cargo de Diretor de Cultura e Comunicação da ANMA - Associação Nacional de Mídia Afro. É proprietário da agência Marfim Assessoria & Eventos. Faz parte da equipe de duas das maiores premiações do jornalismo brasileiro, o Embratel e o Petrobras. É editor responsável pelo jornal web Awùre – http://www.awure.jor.br – veículo que aglutina os momentos mais importantes da cultura e religiosidade afro-brasileira.

Related posts

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *