Breaking News

Espetáculo Lenda das Yabás estreia no Pelourinho

 
Da Redação | Qui, 31/07/2014 às 16:22 | Atualizado em: 31/07/2014 às 16:33
340x650_lenda-das-yabas_1435455
O espetáculo conta as histórias das Yabás (orixás femininos)
Divulgação
O espetáculo Lenda das Yabás estreia neste sábado, 1º, no Anexo do Theatro XVIII, no Pelourinho, em Salvador, e fica em cartaz aos sábados, até 27 de setembro. Os ingressos custam R$ 20 (inteira) e R$ 10 (meia).
Com direção de Fábio S. Tavares e interpretação de atores da Companhia de Teatro Terra Brasilis, a cênica traz os orixás em forma humana, apresentando a história da ancestralidade da cultura afro-brasileira, utilizando lendas de sete Yabás (orixás femininos): Yansã, Obá, Ewá, Oxum, Nanã, Otim e Yemanjá - descrevendo a fúria de um Deus (Olorum). História Revoltado com a destruição e discórdias que os homens vêm causando a aiê (Terra), Olorum infertiliza as mulheres, e prende a chuva para que a terra fique seca, causando a extinção da raça humana. Exu, que consegue chegar a Olorum, tornando-se guardião do segredo que poderá salvar os homens e a Terra da destruição, busca vingança pelo mal que esses lhe causaram, exigindo festa e comida para revelar o segredo. Oxalá, então, vem ao reino de Xangô para selar a paz entre Olorum e os homens, transformando-os em orixás e conscientizando os seres de que todo ser vivo possui é capaz de se conectar com Deus, com base nas suas energias e ações emitidas.         Extraído do Portal A Tarde http://atarde.uol.com.br/cultura/teatro/noticias/espetaculo-lenda-das-yabas-estreia-no-pelourinho-1610582

About The Author

Sérgio Carvalho se iniciou na Umbanda, pelo Babalorixá Arnaldo de Omulu (in memorian), na T.E.Nanã Buruquê, realizando sua camarinha em dezembro de 1995. Em 2001, se iniciou no Candomblé pelas mãos do Babalorixá Jô d´Osogiyan, no Ilé Asé Omin Oiyn, sendo neto de Iyá Nitinha d´Osun (in memorian), do Asé Engenho Velho. Militante em prol da defesa da religião afro-brasileira, ingressou nas fileiras do extinto IPELCY (Instituto de Pesquisas e Estudo da Língua e Cultura Yorubá), dirigido por Jairo d´Osogiyan. Hoje, é editor do Jornal Awùre. Diretor Financeiro da ANMA - Associação Nacional de Mídia Afro. Colabora com a assessoria de comunicação do PPLE - Partido Popular da Liberdade de Expressão Afro-Brasileira. É sócio diretor na agência Marfim Assessoria & Eventos. Faz parte da equipe de duas das maiores premiações do jornalismo brasileiro, o Embratel e o Petrobras.

Related posts

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *