Breaking News

Estilista Júlia Vidal promove evento de culinária afro

 

1514579_900221650038609_7367633969187353051_n

A estilista Júlia Vidal promove nesse sábado (11), em seu atelier, a oficina “Culinária de Terreiro”. Quem participar poderá vivenciar e degustar as iguarias da culinária afro-brasileira que são produzidas nas comunidades de terreiro e oferecidas aos orixás. A Oficina “Culinária de Terreiro” traz informação e integração da cultura gastronômica africana com a música, dança e vestimentas tradicionais afro-brasileiras.

O atelier de Julia Vidal fica na Rua do Jogo da Bola, 49, no Morro da Conceição, próximo a Praça Mauá. O acesso a essa rua é pela Rua do Acre, ou pelas escadas na Rua Sacadura Cabral, em frente a Pedra do Sal.
SERVIÇO:

Professores: Leila Leão/Bruno Onilu/Jefferson de Souza
Valores promocionais para inscrições até dia 06.04!
SUA PRESENÇA SERÁ CONFIRMADA COM INSCRIÇÃO ONLINE AQUI: http://www.juliavidal.com.br/produto/culinariadeterreiro/

Atividades incluídas:
* degustação de comidas típicas afro-brasileiras
* histórias da cozinha afro-brasileira
* visita a exposição “Orixás” de Julia Vidal com diálogo sobre vestes tradicionais
* música e dança relacionados à simbologia/mitologia desta culinária
* fechamento com roda de cânticos yorubás

Descrição da oficina:
Sábado 11/04 a partir das 11h.

Programação:
Recepção no ateliê Julia Vidal
11:00hs Exposição “Orixás” de Julia Vidal e diálogos sobre vestes tradicionais
11:30 hs Oficina de dança tradicional de terreiro (xangô, oxossi, omolu, yemanja, oxum)
12:30hs Degustação e vivência.
14:00hs Oficina de cânticos yorubá
15:00hs Roda tradicional de afoxé (Salvador, Bahia)
17:00hs Abraços, papos, trocas e mais abraços!
Valor: R$70,00 para inscritos até dia 06/04, após a data R$80,00

About The Author

Sérgio Carvalho se iniciou na Umbanda, pelo Babalorixá Arnaldo de Omulu (in memorian), na T.E.Nanã Buruquê, realizando sua camarinha em dezembro de 1995. Em 2001, se iniciou no Candomblé pelas mãos do Babalorixá Jô d´Osogiyan, no Asé Omin Oiyn Ilè, sendo neto de Iyá Nitinha d´Osun (in memorian), do Asé Engenho Velho - Miguel Couto - RJ. Militante em prol da defesa da religião afro-brasileira, ingressou nas fileiras do extinto IPELCY (Instituto de Pesquisas e Estudo da Língua e Cultura Yorubá), dirigido por Jairo d´Osogiyan. Exerce o cargo de Diretor de Cultura e Comunicação da ANMA - Associação Nacional de Mídia Afro. É proprietário da agência Marfim Assessoria & Eventos. Faz parte da equipe de duas das maiores premiações do jornalismo brasileiro, o Embratel e o Petrobras. É editor responsável pelo jornal web Awùre – http://www.awure.jor.br – veículo que aglutina os momentos mais importantes da cultura e religiosidade afro-brasileira.

Related posts

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *