Breaking News

Exposição ‘Orixás’, de Tayo Cunha, explora cultura afro em Piracicaba

Obras em arame galvanizado são inspiradas em entidades do candomblé.
Mostra permanece no espaço cultural Coisas di Buteco até 12 de junho.

Do G1 Piracicaba e Região

10/05/2016 16h55 – Atualizado em 10/05/2016 16h55

 

 

Designer Tayo Cunha ao lado de uma das obras da exposição 'Orixás' em Piracicaba (Foto: Divulgação)
Designer Tayo Cunha ao lado de uma das obras da exposição ‘Orixás’ em Piracicaba (Foto: Divulgação)

 

O designer Tayo Cunha abre nesta terça-feira (10) a exposição “Orixás” no Bar e Espaço Cultural Coisas di Buteco, em Piracicaba (SP). As obras são inspiradas em entidades da cultura e da religião afro-brasileira. As 19 esculturas feitas em arame galvanizado sobre madeira ficam expostas no local até dia 12 de junho. É a primeira mostra que o artista realiza com essa técnica.

Iemanjá na peça em arame galvanizado do designer Tayo Cunha (Foto: Divulgação)
Iemanjá na peça em arame galvanizado do
designer Tayo Cunha (Foto: Divulgação)

Tayo Cunha também é artesão de marchetaria, ilustrador e produtor cultural.

As peças que retratam as divindades do candomblé começaram a ser produzidas pelo designer após um trabalho de pesquisa de referências dos símbolos e ícones da cultura afro, de acordo com a assessoria do artista.

A maior das obras em exposição no Bar e Espaço Cultural Coisas di Buteco a partir desta terça-feira é a “Festa para Oxalá”, que mede 1,15 metro por 50 centímetros.

Além do arame galvanizado moldado, chumbado e pintado em diferentes cores, as peças são compostas por painéis ou molduras de madeiras, que dão movimento e tridimensionalidade às figuras.

Serviço
Exposição “Orixás”, de Tayo Cunha
De quinta a domingo, das 19h às 23h30, até 12 de junho
Bar e Espaço Cultural Coisas di Buteco
Rua Alferes José Caetano, 1232, Centro, Piracicaba

 

 

Extraído do portal de notícias G1 / Piracicaba e Região – SP
http://g1.globo.com/sp/piracicaba-regiao/noticia/2016/05/exposicao-orixas-de-tayo-cunha-explora-cultura-afro-em-piracicaba.html

About The Author

Sérgio Carvalho se iniciou na Umbanda, pelo Babalorixá Arnaldo de Omulu (in memorian), na T.E.Nanã Buruquê, realizando sua camarinha em dezembro de 1995. Em 2001, se iniciou no Candomblé pelas mãos do Babalorixá Jô d´Osogiyan, no Asé Omin Oiyn Ilè, sendo neto de Iyá Nitinha d´Osun (in memorian), do Asé Engenho Velho - Miguel Couto - RJ. Militante em prol da defesa da religião afro-brasileira, ingressou nas fileiras do extinto IPELCY (Instituto de Pesquisas e Estudo da Língua e Cultura Yorubá), dirigido por Jairo d´Osogiyan. Exerce o cargo de Diretor de Cultura e Comunicação da ANMA - Associação Nacional de Mídia Afro. É proprietário da agência Marfim Assessoria & Eventos. Faz parte da equipe de duas das maiores premiações do jornalismo brasileiro, o Embratel e o Petrobras. É editor responsável pelo jornal web Awùre – http://www.awure.jor.br – veículo que aglutina os momentos mais importantes da cultura e religiosidade afro-brasileira.

Related posts

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *