Breaking News

Famosos fazem homenagens no Dia de Iyemanjá

Regina Casé, Astrid Fontenelle e Camila Pitanga foram algumas das celebridades que celebraram a divindade das águas salgadas.

Priscila BessaDo EGO, no Rio

publicada há 6 horasatualizada há 29 minutos

 

Nesta terça-feira, 2, é comemorado o Dia de Iyemanjá e a data não passou em branco no universo dos famosos. Regina Casé postou fotos no Instagram em que aparece acompanhada do marido, Estevão Ciavatta, e da atriz Camila Pitanga caminhando pelas ruas da Bahia e levando flores brancas para homenagear Iyemanjá. Em seguida, a apresentadora e atriz postou mais uma foto contando que no caminho encontrou Carlinhos Brown levando uma homenagem também para celebrar o orixá africano.

“Que dia é esse que parece um mês?! Comecei 7 da manhã em São Lázaro, dei a volta no mundo, aconteceu de tudo e uma hora dessa tô chegando aqui no Rio Vermelho! Que que é isso Bahia!?”, brincou Regina, bem-humorada. E completou: “Olha como o acaso trabalha bem na Bahia! Passando pelo Dique do Tororó encontramos @carlinhosbrownoficial num barquinho levando seu balaio de Oxum!”.

Astrid Fontenelle mostrou que está à caminho para homenagear Iyemanjá também em Salvador. “Dia 2 de fevereiro, dia de Iyemanjá, dia de festa no mar! Odoyá! #partiusalvador”, escreveu a apresentadora na legenda de uma foto em que seu filho, Gabriel, aparece admirando uma imagem da divindade das águas salgadas.

E quem não pode ir à praia presentear Iyemanjá com flores e adereços, manifestou sua fé através das redes sociais. Foi o caso da modelo transexual Lea Cerezo, mais conhecida como Lea T,  que postou uma foto antiga em que aparece jogando flores no mar. “Salve, Estrela do Mar, deusa poderosíssima, mãe e advogada de todos os que navegam no mar agitado da vida! À vossa valiosa proteção confia-nos o vosso séquito de auxiliares, sereias, ninfas, caboclas do mar, para serem nossas guias, protetoras, consolo e alento durante as tempestades da vida terrestre. Refugiamo-nos cheios de confiança e fé em vossa aura e manto vibratório. Seja nossa guia, seja nosso farol, seja sempre nossa brilhante estrela divina que nos orienta, a fim de que nunca pereçamos nem nos falte rumo da rota segura que nos fará desviar dos escolhos do mar agitado da vida material”, postou.

Joana Machado foi outra celebridade que demonstrou seu carinho pelo orixá pelo Instagram ao publicar uma imagem da divindade e uma oração: “Doce, meiga e querida Mãe Iyemanjá. Vós permitiste que no seio de vossa morada se formassem as primitivas formas de vida, que foram o berço de toda a criação, de toda a natureza e de toda a humanidade, aceitai nossas preces de reconhecimento e amor”.

Vera Minelli, mãe da musa fitness Gabriela Pugliesi, também fez seus votos: “Dia 2 de fevereiro, dia de festa no mar. Hoje é seu dia, minha rainha!”. Cristina Mortágua optou por publicar uma oração no Instagram: “Salve Iyemanjá, a rainha do mar! Que a primeira onda a nos tocar afaste de nossas mentes todos os eventuais desejos de vingança”.

Simone Soares postou uma foto sua em que aparece de maiô e acessórios azuis com direito a balões: “Salve Rainha do Mar Iyemanjá”.

Carol Castro fez sua homenagem com uma foto dela embaixo d’água: “Na casa da mãe… Iyemanjá! Obrigada por sempre me receber tão bem.”

Camila Pitanga e Regina Casé (Foto: Reprodução/Instagram)
Camila Pitanga e Regina Casé (Foto: Reprodução/Instagram)
Carlinhos Brown, Camila Pitanga e Regina Casé (Foto: Reprodução/Instagram)
Carlinhos Brown, Camila Pitanga e Regina Casé (Foto: Reprodução/Instagram)
Gabriel, filho de Astrid Fontenelle (Foto: Reprodução/Instagram)
Gabriel, filho de Astrid Fontenelle (Foto: Reprodução/Instagram)
Lea Cerezo (Foto: Reprodução/Instagram)
Lea Cerezo (Foto: Reprodução/Instagram)
simone
Simone Soares (Foto: Reprodução/Instagram)
jaonan
Foto postada por Joana Machado (Foto: Reprodução/Instagram)

capturar

 

 

Extraído do site EGO da Editora Globo / Rio de Janeiro – RJ
http://ego.globo.com/famosos/noticia/2016/02/famosos-fazem-homenagens-no-dia-de-iemanja.html

About The Author

Sérgio Carvalho se iniciou na Umbanda, pelo Babalorixá Arnaldo de Omulu (in memorian), na T.E.Nanã Buruquê, realizando sua camarinha em dezembro de 1995. Em 2001, se iniciou no Candomblé pelas mãos do Babalorixá Jô d´Osogiyan, no Asé Omin Oiyn Ilè, sendo neto de Iyá Nitinha d´Osun (in memorian), do Asé Engenho Velho - Miguel Couto - RJ. Militante em prol da defesa da religião afro-brasileira, ingressou nas fileiras do extinto IPELCY (Instituto de Pesquisas e Estudo da Língua e Cultura Yorubá), dirigido por Jairo d´Osogiyan. Exerce o cargo de Diretor de Cultura e Comunicação da ANMA - Associação Nacional de Mídia Afro. É proprietário da agência Marfim Assessoria & Eventos. Faz parte da equipe de duas das maiores premiações do jornalismo brasileiro, o Embratel e o Petrobras. É editor responsável pelo jornal web Awùre – http://www.awure.jor.br – veículo que aglutina os momentos mais importantes da cultura e religiosidade afro-brasileira.

Related posts

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *