Breaking News

FENACAB Sudeste inaugura escritório em Juiz de Fora

Texto: Sérgio d´Giyan 13.06.2011 01:11

A regional sudeste da FENACAB – Federação Nacional dos Cultos Afro-Brasileiros, cuja sede nacional fica em Salvador – BA, inaugura no próximo sábado o escritório de sua representação na cidade de Juiz de Fora, em Minas Gerais.

A FENACAB é uma entidade criada para a defesa dos direitos e prerrogativas do povo de santo. Uma grande vitória foi a conquista da aposentadoria para os sacerdotes das religiões de matriz africana junto ao INSS. Também é de sua responsabilidade o lançamento do código de ética que irá regular as atividades dos cultos das religiões afro-brasileiras. Esse código, elaborado em 2002 ainda está em vias de regulação pela câmara dos vereadores. A entidade atua em casos de intolerância religiosa e na manutenção da liberdade do culto aos orixás, buscando sempre o respeito às tradições e sua hierarquia, e a preservação da ancestralidade do povo de santo.

A cerimônia terá diversas apresentações de grupos culturais e shows com artistas locais. O clímax do evento é a entrega do primeiro Troféu Olorun Eledá em reconhecimento aos serviços prestados às religiões de matriz africana aos representantes da cultura afro-brasileira em Minas Gerais.

Além de sacerdotes, ogans e ekedjis, serão homenageados, na ocasião, o presidente da OAB-MG, o presidente do sindicato dos bancários, o Secretário do Governo Municipal e Secretário do Governo Estadual, o coordenador do Comitê Estadual de Respeito à Diversidade Religiosa de Minas Gerais, órgão representativo das mulheres negras de Minas Gerais, diretores do jornal O Estado de Minas Gerais, e de uma rádio local. Também serão homenageados, grupo de mulheres negras, grupos de capoeira, o padre Eduardo Faria, da igreja católica anglicana, além de grupos da Fraternidade Espíritas e Kardecista, grupos de Congado, Folia de Reis, sambistas e outras manifestações culturais. São esperadas diversas caravanas de outras cidades da zona da Mata e Belo Horizonte para participarem da cerimônia.

O início do evento está previsto para as 8h do dia 17 de junho, na Praça Antônio Carlos, no centro de Juiz de Fora.

About The Author

Sérgio Carvalho se iniciou na Umbanda, pelo Babalorixá Arnaldo de Omulu (in memorian), na T.E.Nanã Buruquê, realizando sua camarinha em dezembro de 1995. Em 2001, se iniciou no Candomblé pelas mãos do Babalorixá Jô d´Osogiyan, no Asé Omin Oiyn Ilè, sendo neto de Iyá Nitinha d´Osun (in memorian), do Asé Engenho Velho - Miguel Couto - RJ. Militante em prol da defesa da religião afro-brasileira, ingressou nas fileiras do extinto IPELCY (Instituto de Pesquisas e Estudo da Língua e Cultura Yorubá), dirigido por Jairo d´Osogiyan. Exerce o cargo de Diretor de Cultura e Comunicação da ANMA - Associação Nacional de Mídia Afro. É proprietário da agência Marfim Assessoria & Eventos. Faz parte da equipe de duas das maiores premiações do jornalismo brasileiro, o Embratel e o Petrobras. É editor responsável pelo jornal web Awùre – http://www.awure.jor.br – veículo que aglutina os momentos mais importantes da cultura e religiosidade afro-brasileira.

Related posts

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *