Breaking News

Final da Unidos de Padre Miguel: parceria de Leonardo D´Vincci em busca do sonho

09/09/2016 01:18AUTOR VINICIUS VASCONCELOS (E-MAIL: REDACAO@CARNAVALESCO.COM.BR)

 

Com astral e energia em dia, a parceria de Leonardo D´Vincci afirma que está trabalhando bastante para que o sonho da primeira vitória na Unidos de Padre Miguel se realize.

OUÇA AQUI OS SAMBAS FINALISTAS

– Estamos colocando nosso samba na rua para o povo possa aprender e cantar conosco. Queremos essa grande vitória na nossa carreira, sou compositor da escola tem bastante tempo, já fui pra final em 2008 no ano do Olokun, infelizmente não ganhei. Já compus vários sambas de quadra, mas devido a minha antiga responsabilidade como diretor musical eu tive que dar um tempo. Como ano passado sai da direção esse ano pude ter a liberdade de compor. Estamos indo com fé acima de tudo.

leoA parceria acredita que o trecho final do samba além de ser forte, é uma mensagem principalmente para os que creem nas divindades africanas.

– O refrão ‘Unidos de Padre Miguel, vem no axé ninguém segura’ e todo o trecho final ‘Pra quem tem fé, é preciso preservar’, é acima de tudo uma mensagem que é preciso preservar a fé no Orixá. Por isso me chama muita atenção. Muitos que estão afastados da religião devem repensar e acreditar na fé de Ossain. Fiquei da minha afrodescendência e voltei, por isso também quis voltar a compor para Unidos.

Confiando na sua fé aos Orixás, o compositor afirma que o enredo Ossain e seu retorno à religião africana foi o casamento perfeito para que a composição ficasse perfeita.

– O enredo em si me cativou, me chamou muita atenção principalmente por eu ter retornado a minha fé e minhas origens. A questão da cura é divino de Deus. Na sinopse consegui perceber que está tudo muito coerente em relação ao Orixá.

Para a final, a parceria contará com diversos ônibus que levarão o público até a quadra.

– Nossa torcida além de familiar é gigante. Vai vir ônibus de Campo Grande, kombi de comunidades vizinhas como São Bento, e da própria Vila Vintém também por eu morar aqui. As pessoas que sempre fortalecem estão conosco. Nosso ponto de encontro é o depósito do Bibi que fica em frente à quadra. Vamos fazer uma concentração por ali bem cedo antes da apresentação, com roda de samba, ai já entramos com a garra total. A cada apresentação mais pessoas aprenderam nossa composição, e o samba cresceu muito desde a primeira. Hoje, vejo pessoas que não sabiam a letra mas foram e envolvendo e se tornando torcedores. Não tenho dúvida que isso passa uma energia a mais para o povo do palco, e vice-versa – finalizou.

 

Extraído do blog Carnavalesco
http://www.carnavalesco.com.br/noticia/final-da-unidos-de-padre-miguel-parceria-de-leonardo-dvincci-em-busca-do-sonho/18573

About The Author

Sérgio Carvalho se iniciou na Umbanda, pelo Babalorixá Arnaldo de Omulu (in memorian), na T.E.Nanã Buruquê, realizando sua camarinha em dezembro de 1995. Em 2001, se iniciou no Candomblé pelas mãos do Babalorixá Jô d´Osogiyan, no Asé Omin Oiyn Ilè, sendo neto de Iyá Nitinha d´Osun (in memorian), do Asé Engenho Velho - Miguel Couto - RJ. Militante em prol da defesa da religião afro-brasileira, ingressou nas fileiras do extinto IPELCY (Instituto de Pesquisas e Estudo da Língua e Cultura Yorubá), dirigido por Jairo d´Osogiyan. Exerce o cargo de Diretor de Cultura e Comunicação da ANMA - Associação Nacional de Mídia Afro. É proprietário da agência Marfim Assessoria & Eventos. Faz parte da equipe de duas das maiores premiações do jornalismo brasileiro, o Embratel e o Petrobras. É editor responsável pelo jornal web Awùre – http://www.awure.jor.br – veículo que aglutina os momentos mais importantes da cultura e religiosidade afro-brasileira.

Related posts

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *