Breaking News

Fotos que dizem ‘não’ à intolerância religiosa

fabiola gomes em 26 de fevereiro de 2015 às 11:11

 

 

Rede_Catraca_CatracaLivre111019A mais ou menos um ano atrás Fabíola Gomes, foi desafiada a fotografar pessoas manifestando a sua fé. No momento em que o desafio foi lançado, ela diz que logo surgiu na cabeça dela ” Espiritismo” e também “Minha tia”.

Fabíola conta que Dona Zuleide (sua tia) é mãe de santo de um terreiro de Candomblé e Umbanda de nação Angola; a fotografa não tem religião,  mas ja frequentou muito o terreiro de sua tia,  e sempre considerou uma das manifestações mais bonitas, as danças, musicas, trajes, ela diz que acha tudo muito brasileiro, colorido e belo. É importante ressaltar “O Candomblé faz parte da cultura brasileira, está sempre presente no nosso folclore”.

Mas Fabíola conta também o motivo mais forte que levou ela a fazer as fotos:

“Não foi só essa beleza da religião e minha admiração que me fez passar uma tarde fotografando minha tia e suas manifestações de fé. Foi toda a história de preconceito que essa religião sofreu e até hoje sofre,  a perseguição que as religiões de origem Africana sofreram por um longo tempo, foi a vontade de contribuir para combater a intolerância religiosa que infelizmente ainda existe muito no Brasil e no mundo.”

Essas fotos são uma forma que a fotógrafa encontrou de mostrar o quanto toda e qualquer tipo  de manifestação de fé é forte e lindo de se ver e deve ser respeitada.

manifestacao_religiosa_031

 

REDE CATRACA

Este conteúdo – assim como as respectivas imagens, vídeos e áudios – é de responsabilidade do usuário fabiola gomes da Rede Catraca.

O Catraca Livre disponibiliza espaço no site para que qualquer interessado possa contribuir com cidades mais acolhedoras, educadas e criativas, sempre respeitando a diversidade de opiniões.

As informações acima são de responsabilidade do autor e estão sujeitas a alterações sem aviso prévio.

tmanifestacao_religiosa_002-108x108 manifestacao_religiosa-108x108 manifestacao_religiosa_025-108x108 manifestacao_religiosa_006-108x108 manifestacao_religiosa_009-108x108 manifestacao_religiosa_014-108x108 manifestacao_religiosa_016-108x108 manifestacao_religiosa_022-108x108

 

 

 

 

 

 

 

Extraído do site Catraca Livre
https://catracalivre.com.br/geral/design-urbanidade/indicacao/fotos-que-dizem-nao-a-intolerancia-religiosa/

About The Author

Sérgio Carvalho se iniciou na Umbanda, pelo Babalorixá Arnaldo de Omulu (in memorian), na T.E.Nanã Buruquê, realizando sua camarinha em dezembro de 1995. Em 2001, se iniciou no Candomblé pelas mãos do Babalorixá Jô d´Osogiyan, no Asé Omin Oiyn Ilè, sendo neto de Iyá Nitinha d´Osun (in memorian), do Asé Engenho Velho - Miguel Couto - RJ. Militante em prol da defesa da religião afro-brasileira, ingressou nas fileiras do extinto IPELCY (Instituto de Pesquisas e Estudo da Língua e Cultura Yorubá), dirigido por Jairo d´Osogiyan. Exerce o cargo de Diretor de Cultura e Comunicação da ANMA - Associação Nacional de Mídia Afro. É proprietário da agência Marfim Assessoria & Eventos. Faz parte da equipe de duas das maiores premiações do jornalismo brasileiro, o Embratel e o Petrobras. É editor responsável pelo jornal web Awùre – http://www.awure.jor.br – veículo que aglutina os momentos mais importantes da cultura e religiosidade afro-brasileira.

Related posts

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *