Breaking News

Galeria da Ufes recebe exposição sobre corpos em transe

A artista Juliana Pessoa apresenta desenhos sobre o parto e o candomblé, mostrando o corpo tomado por esses momentos

Lívia Corbellari

21/04/2014 11:43 – Atualizado em 21/04/2014 18:29

 

juliana_pessoa_2Nesta terça-feira (22), a Galeria de Arte e Pesquisa da Universidade Federal do Espírito Santo (Ufes) recebe a exposição Encorporação,com desenhos de Juliana Pessoa. A artista apresenta obras feitas sob papel com giz branco e carvão, que abordam a questão do corpo em transe, “seja tomado por uma força exterior como nos rituais do candomblé ou pelo êxtase que a mulher experimenta durante o parto”, explica Juliana.

Segundo a artista, apesar dos dois estados que ela representa em seus desenhos serem de naturezas diferentes, “ambos são estados afetivos e vitais que arremetam sensações muitos fortes”.

A abertura da exposição será às 19 horas e contará com a presença da artista, do curador da exposição professor Fernando Pessoa e da professora Cláudia Murta, que irão promover um debate sobre o tema.

A mostra faz parte da pesquisa de mestrado em filosofia de Juliana, que se aprofundou na cultura do candomblé. Seus desenhos foram feitos a partir das fotografias de Pierre Verger, que dedicou a maior parte de sua vida ao estudo da diáspora africana e das religiões afro-derivadas do novo mundo. Para retratar o parto, Juliana se baseou no trabalho do obstetra Paulo Batistuta, que faz registros fotográficos de alguns partos que participa.

“A escolha de elementos rudimentares e simples como giz e o carvão é uma forma de fazer um contraste com a força vital e extraordinária que o corpo experimenta nesses dois estados”, explica Juliana. 

A exposição Encorporação faz parte dos eventos do 9° Simpósio de Filosofia e Psicanálise da Ufes, Entrecorpos, organizado pela professora Cláudia Murta. Na quinta-feira (24), será exibido, no Cine Metrópolis, às 15 horas, o documentário Parto Orgásmico. Logo após a exibição, ocorrerá uma conversa sobre o filme e a exposição. Mais tarde, às 19 horas, ocorrerá, no auditório do IC-II, um debate mais aprofundado sobre o tema.

A mostra também propõe um projeto educativo para alunos de escolas públicas e privadas. O agendamento pode ser feito pelo telefone 4009-2586, de segunda à sexta-feira, das 9 às 18 horas.  

 

Serviço

A exposição Encorporação entre em cartaz esta terça-feira (22), às 19 horas, na Galeria de Arte e Pesquisa da Ufes. Campus Goiabeiras. Visitação até o dia 20 de maio. De segunda a sexta-feira, das 8h às 17 horas. Entrada gratuita.

Extraído do site Seculo Diário

http://seculodiario.com.br/16480/17/galeria-da-ufes-recebe-exposicao-sobre-corpos-em-transe-1

About The Author

Sérgio Carvalho se iniciou na Umbanda, pelo Babalorixá Arnaldo de Omulu (in memorian), na T.E.Nanã Buruquê, realizando sua camarinha em dezembro de 1995. Em 2001, se iniciou no Candomblé pelas mãos do Babalorixá Jô d´Osogiyan, no Asé Omin Oiyn Ilè, sendo neto de Iyá Nitinha d´Osun (in memorian), do Asé Engenho Velho - Miguel Couto - RJ. Militante em prol da defesa da religião afro-brasileira, ingressou nas fileiras do extinto IPELCY (Instituto de Pesquisas e Estudo da Língua e Cultura Yorubá), dirigido por Jairo d´Osogiyan. Exerce o cargo de Diretor de Cultura e Comunicação da ANMA - Associação Nacional de Mídia Afro. É proprietário da agência Marfim Assessoria & Eventos. Faz parte da equipe de duas das maiores premiações do jornalismo brasileiro, o Embratel e o Petrobras. É editor responsável pelo jornal web Awùre – http://www.awure.jor.br – veículo que aglutina os momentos mais importantes da cultura e religiosidade afro-brasileira.

Related posts

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *