Homem que se dizia pai de santo é preso após engravidar menor em Araxá

Adolescente de 14 anos e jovem de 20 ficaram grávidas no que o preso disse ser um ritual. Polícia acredita que número de vítimas pode ser maior

 

postado em 13/07/2017 12:26 / atualizado em 13/07/2017 16:16

 Cristiane Silva

O homem, que não teve o nome divulgado, pode pegar até seis anos de prisão pelo golpe (foto: Polícia Civil/Divulgação)

Um homem de 37 anos foi preso em Araxá, no Alto Paranaíba, por violações sexuais mediante fraude e charlatanismo. Segundo a Polícia Civil da cidade, se passando por pai de santo, ele engravidou uma menor de idade e uma jovem em um suposto ritual. Se condenado, ele pode ter pena de 2 a 6 anos de prisão. A polícia suspeita que o número de vítimas pode ser maior. 
Saiba mais

 

 

O preso, que não teve o nome divulgado, foi apresentado na manhã desta quinta-feira pelos delegados Paula Lobo Dib, responsável pelo inquérito, e Vitor Hugo Heisler. Segundo eles, os crimes ocorreram em 2016, quando as vítimas tinham 14 e 20 anos. Elas disseram que mantiveram relações sexuais com o autor, que dizia que estava incorporando uma entidade espiritual. Segundo as investigações, o ato sexual ajudaria “a resolver os problemas pessoais delas”.

“As vítimas procuraram o Conselho Tutelar porque elas estavam sendo ameaçadas caso procurassem a Polícia Civil”, explica a delegada Paula. “O Conselho Tutelar informou, por meio de relatório de atendimento delas, os fatos que estavam ocorrendo”, detalha. 

De acordo com a policial, o investigado confirmou os fatos. “Ele confirma que manteve relação sexual com as vítimas, mas alega que elas quiseram manter relação sexual com ele, que não foi forçado. O argumento dele é nesse sentido, mas ele confirma que seria um pai de santo, que fazia trabalhos espirituais, que, inclusive, esses trabalhos poderiam envolver sim relação sexual”, diz Paula Lobo. O homem foi detido em 5 de julho e já teve a prisão preventiva decretada. 

Ainda segundo a delegada, o homem pode ser condenado por outros crimes, já que ele ameaçou as vítimas. Ela também não descarta que ele tenha aplicado o golpe em outras mulheres, já que ele dizia que este era o “trabalho” dele.

 

Extraído do portal UAI, do Diarios Associados / Belo Horizonte – MG
http://www.em.com.br/app/noticia/gerais/2017/07/13/interna_gerais,883558/homem-que-se-dizia-pai-de-santo-e-preso-apos-engravidar-menor-em-araxa.shtml

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *