Breaking News

Intolerância: Líderes religiosos de terreiro da Lapinha são ameaçados de morte por vizinho

por Cláudia Cardozo | Sábado, 09 de Janeiro de 2016 – 00:00

 

Foto: Jamile Amine / Bahia Notícias
Foto: Jamile Amine / Bahia Notícias

 

As atividades religiosas do terreiro Ilê Axé Oyá Omim Balé, localizado no bairro da Lapinha, em Salvador, cada vez mais deixam de ser realizadas devido à ameaça constante de morte que seus líderes sofrem por conta da intolerância religiosa. Apesar de ser garantida na Constituição Federal, no artigo 5º, a liberdade religiosa dos adeptos do candomblé vem sendo compelida. O babalorixá Jonatas de Souza, mais conhecido como Babá Deloiá, ao Bahia Notícias, relatou que as ameaças acontecem há muito tempo e teme por sua segurança e sua vida, assim como a dos demais que compõem a comunidade religiosa. Os cultos religiosos acontecem, agora, uma vez por mês, durante o dia, e mesmo assim, com muita cautela. As agressões, segundo o babalorixá, são praticadas pelos vizinhos, com a liderança de Josenilson Furtado Sento Sé, conhecido como Batata, e pelos demais familiares. Leia mais na coluna Justiça!

 

Extraído do portal de notícias Bahia Notícias / Salvador – BA
http://www.bahianoticias.com.br/noticia/184055-intolerancia-lideres-religiosos-de-terreiro-da-lapinha-sao-ameacados-de-morte-por-vizinho.html

About The Author

Sérgio Carvalho se iniciou na Umbanda, pelo Babalorixá Arnaldo de Omulu (in memorian), na T.E.Nanã Buruquê, realizando sua camarinha em dezembro de 1995. Em 2001, se iniciou no Candomblé pelas mãos do Babalorixá Jô d´Osogiyan, no Asé Omin Oiyn Ilè, sendo neto de Iyá Nitinha d´Osun (in memorian), do Asé Engenho Velho - Miguel Couto - RJ. Militante em prol da defesa da religião afro-brasileira, ingressou nas fileiras do extinto IPELCY (Instituto de Pesquisas e Estudo da Língua e Cultura Yorubá), dirigido por Jairo d´Osogiyan. Exerce o cargo de Diretor de Cultura e Comunicação da ANMA - Associação Nacional de Mídia Afro. É proprietário da agência Marfim Assessoria & Eventos. Faz parte da equipe de duas das maiores premiações do jornalismo brasileiro, o Embratel e o Petrobras. É editor responsável pelo jornal web Awùre – http://www.awure.jor.br – veículo que aglutina os momentos mais importantes da cultura e religiosidade afro-brasileira.

Related posts

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *