Breaking News

Mãe Santinha morre aos 90 anos em Salvador

Yalorixá tinha 90 anos e fazia tratamento contra um câncer.
Sepultamento será as 16h deste sábado (16), em Salvador.

Do G1 BA, com informações da TV Bahia | 16/05/2015 12h56 – Atualizado em 16/05/2015 16h27

 

4185897_x360

 

Morreu na madrugada deste sábado (16), em Salvador, Anísia da Rocha Pitta e Silva, mais conhecida como Mãe Santinha, do terreiro Ilê Asé Oyá, no bairro Pirajá. Mãe Santinha, que  teve insuficiência respiratória, estava internada desde 6 de maio no Hospital Português, onde fazia tratamento contra câncer. A yalorixá tinha 90 e deixa 10 filhos, entre eles, Alberto Pitta, artista plástico e criador do bloco Cortejo Afro.

O enterro vai ser às 16h,  no cemitério Jardim da Saudade. Em nota, o governador Rui Costa lamentou. “A cultura da Bahia perde um de seus símbolos e ícone de luta por igualdade”, disse Rui Costa. Mãe Santinha integra a geração das mães de santo mais antigas da Bahia e era considerada uma pessoa de grande serenidade. O Cortejo Afro também divulgou nota de pesar lamentando o falecimento.

 

Extraído do portal de notícias G1 / Salvador-BA
http://g1.globo.com/bahia/noticia/2015/05/mae-santinha-morre-aos-90-anos-em-salvador.html

About The Author

Sérgio Carvalho se iniciou na Umbanda, pelo Babalorixá Arnaldo de Omulu (in memorian), na T.E.Nanã Buruquê, realizando sua camarinha em dezembro de 1995. Em 2001, se iniciou no Candomblé pelas mãos do Babalorixá Jô d´Osogiyan, no Asé Omin Oiyn Ilè, sendo neto de Iyá Nitinha d´Osun (in memorian), do Asé Engenho Velho - Miguel Couto - RJ. Militante em prol da defesa da religião afro-brasileira, ingressou nas fileiras do extinto IPELCY (Instituto de Pesquisas e Estudo da Língua e Cultura Yorubá), dirigido por Jairo d´Osogiyan. Exerce o cargo de Diretor de Cultura e Comunicação da ANMA - Associação Nacional de Mídia Afro. É proprietário da agência Marfim Assessoria & Eventos. Faz parte da equipe de duas das maiores premiações do jornalismo brasileiro, o Embratel e o Petrobras. É editor responsável pelo jornal web Awùre – http://www.awure.jor.br – veículo que aglutina os momentos mais importantes da cultura e religiosidade afro-brasileira.

Related posts

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *