Breaking News

Mãe Tânia faz suas previsões para 2016

 

/ FOTO: ANDRÉ LARA
/ FOTO: ANDRÉ LARA

 

Daniel Petroski | Ponta Grossa | 31/12/2015 às 13:35h   |

Mãe Tânia joga os búzios e mostra o que os orixás reservam para 2016. O novo ano promete ser turbulento, principalmente dentro da disputa política local

E mais um ano chega ao fim. Expectativas, promessas e planos – realizados ou não – são colocados na balança e já dão o tom de como 2016 deverá ser. Apesar dos desejos pessoais, muitos esperam melhorias coletivas e apostam todas as fichas em um novo tempo que está por vir. Porém, muita calma nesta maré de boas vibrações. Pelo menos é o que a Mãe Tânia explicou a equipe de reportagem do Jornal da Manhã. Segundo ela, os orixás reservam para nós um ano bastante turbulento. “Será assim devido à sequência deste período que estamos vivendo”, justifica. Através dos búzios, a também presidente da Sociedade afro-brasileira Cacique Pena Branca, apresenta um panorama sobre o governo Dilma, a disputa eleitoral municipal, terrorismo, clima, esporte e crise econômica:

O FUTURO DE DILMA

De acordo com as previsões, a presidente Dilma Rousseff vai se manter na hierarquia e não deixará o poder por meio de um impeachment. “Ela saíra por problemas de saúde. Isso não deve passar de fevereiro do próximo ano”, comenta Mãe Tânia. Segundo os búzios, o quadro de saúde da presidente se agravará com as críticas e perseguições. “A trajetória dela está praticamente encerrada, mas a teimosia é grande. Vai chegar uma hora que ela vai por terra na área da saúde”, completa.

CRISE ECONÔMICA

Em relação à crise econômica que trouxe muita preocupação em 2015, Mãe Tânia revela que uma melhora deverá ser sentida a longo prazo. “O Brasil vai dar uma melhorada. Só que isso vai levar quase o próximo ano inteiro. Não será nada rápido”, diz.

TERRORISMO EM ALTA

Para Mãe Tânia, assim como neste ano, o terrorismo ganhará ainda mais força. “Quatro países serão atingidos pelas guerrilhas. Serão eles a África, os Estados Unidos, a Rússia e a Alemanha”, detalha.

OPERÁRIO

Destaque em 2015, o Operário Ferroviário Esporte Clube deve repetir a campanha de sucesso, pelo menos é o que os búzios mostram. “O time já está com a corda toda. Vão vencer e vão crescer, indo muito mais além do que eles estão atualmente. E vem mais um título”, revela. Independente da boa fase, uma crise tumultuar a Diretoria do Clube. “Na parte da Diretoria teremos grandes confusões”, acrescenta.

E AS OLIMPÍADAS?

Apesar da proliferação dos atentados terroristas, os Jogos Olímpicos de 2016 no Rio de Janeiro não serão afetados. Mesmo assim, muita confusão vai atingir o país durante a realização do mundial em agosto. “O povo brasileiro vai se revoltar principalmente com os gastos”, prevê. Em relação ao desempenho esportivo, o Futebol brasileiro deverá conquistas duas medalhas olímpicas.

DISPUTA ELEITORAL

O ano de 2016 será marcado por eleições municipais e, ao que tudo indica, em Ponta Grossa, confusão será a palavra de ordem. “Cinco pessoas irão disputar a Prefeitura. Porém, uma delas desiste por falta de apoio. Uma mulher também estará no páreo”, afirma Mãe Tânia. Ainda segundo ela, o processo eleitoral será marcado por grandes denúncias e muitas polêmicas. “Ela será decidida apenas no segundo turno”, completa.

CLIMA

As tragédias climáticas devem se multiplicar pelo Brasil. Para Mãe Tânia a previsão é de que de duas as três cidades terão grandes problemas. “Além disso, muitas lavouras serão perdidas e muitas doenças surgirão na agricultura”, conta.

NA VIRADA DO ANO

Para tentar amenizar um pouco o ano carregado que se aproxima, Mãe Tânia sugere que na Virada do Ano as cores amarela e verde devem estar presentes. “Por serem caminhos de Oxóssi e Oxum essas cores atraem prosperidade, conquistas e vitórias”, explica.

SAÚDE

Assim como em 2015, novas doenças deverão surgir. “Grandes problemas do passado voltarão à tona neste novo ano”, afirma Mãe Tânia.

Informações do Jornal da Manhã.

Extraído do site A Rede, da Rede Paraná de Notícias / Ponta Grossa – PR
http://arede.info/ponta_grossa/mae-tania-faz-suas-previsoes-para-2016/