Malafaia rebate acusações de pai de santo contra evangélicos

O presidente da CEDINE do Rio teve espaço no Programa de Ricardo Boechat na Band News FM

por Leiliane Roberta Lopes | 20/11/2015 – 13:00 – Atualizado em 20/11/2015 – 13:32

 

download
Malafaia rebate acusações de pai de santo

O pastor Silas Malafaia gravou um vídeo para comentar a declaração do presidente do Conselho Estadual dos Direitos do Negro do Rio de Janeiro (CEDINE), Negrogun, durante o programa de Ricardo Boechat.

O homem declarou que igrejas neopentecostais possuem acordo com traficantes, ungem armas e escondem o extermínio de pessoas. “Esse cara está se escorando na raça para defender sua religião, isso é covardia, cara. Você tem que defender o negro, não sua religião ou o negro tem religião oficial? Esse cara está afirmando que existe sistematicamente na TV programas pregando a intolerância”.

Malafaia direciona a crítica para o jornalista que cedeu espaço para as acusações do presidente da CEDINE, lembrando que a Band, onde ele trabalha, é uma das emissoras que mais lucra com espaços alugados para igrejas evangélicas e que antes de ser exibido, a direção avalia o programa.

O pastor evangélico foi além, usou dados do IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística) para mostrar que boa parte da população negra do Brasil é evangélica, e não das religiões de matriz africana. Os dados são de 11.951.000, 72% são neopentecostais. Já umbandistas e candomblecistas não chegam a 253.000 pessoas.

Malafaia fala de denunciar as declarações, pois a comunidade evangélica é pacífica e democrática. “Isso é uma afronta aos negros, ou por acaso você quer manipular os negros para que eles tenham a religião que você quer que eles tenham”.

 

Assista a entrevista de Negrogun a Boechat:

https://youtu.be/E3OCufFS-ZI

Assista:

 

Extraído do site religioso Gospel Prime / São Paulo – SP
https://noticias.gospelprime.com.br/malafaia-acusacoes-pai-de-santo-boechat/

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *