Breaking News

Nilópolis participa do Fórum Mundial de Direitos Humanos

Por Ignez Teixeira

O Fórum Mundial de Direitos Humanos (FMDH) está acontecendo em Brasília do dia 10 a 13 de dezembro. A abertura do evento, contou com a presença do vice-presidente Michel Temer, da ministra Maria do Rosário, da Secretaria de Direitos Humanos da Presidência da República (SDH/PR), entre outras autoridades nacionais e internacionais. O Município de Nilópolis está sendo representado pela Superintendente de Promoção da Igualdade Racial, Ignez Teixeira. A cantora Daniela Mercury faz o show de abertura do evento, que acontece no Centro Internacional de Convenções do Brasil (CICB). O FMDH recebeu mais de 10 mil inscrições.

O Fórum é uma iniciativa da SDH (PR), em parceria com entidades da sociedade civil, organismos internacionais e outros órgãos de governo e conta com cerca de 700 instituições no Comitê Organizador. O objetivo do evento é promover um espaço de debate público sobre Direitos Humanos no mundo, em que sejam tratados seus principais avanços e desafios com foco no respeito às diferenças, na participação social, na redução das desigualdades e no enfrentamento às violações de direitos humanos. Segundo Ignez Teixeira, os direitos humanos são direitos inerentes a todos os seres humanos, independentemente de raça, sexo, nacionalidade, etnia, idioma, religião ou qualquer outra condição. Os direitos humanos incluem o direito à vida e à liberdade, à liberdade de opinião e de expressão, o direito ao trabalho e à educação, entre e muitos outros. Todos merecem estes direitos, sem discriminação. Ainda existem muitos desafios na luta para promover e valorizar a dignidade, a liberdade e os direitos de todos os seres humanos. No entanto, nas últimas duas décadas, tem sido feito um progresso significativo. E a realização deste encontro mundial será um marco para os avanços desta temática. O FMDH está organizado em três eixos temáticos e cada um contará com três debates e uma conferência. São eles: Eixo I - Os Direitos Humanos como Bandeira de Luta dos Povos; Eixo II - A universalização de Direitos Humanos em um contexto de vulnerabilidades; Eixo III - A transversalidade dos Direitos Humanos. 65 anos da Declaração Universal dos Direitos Humanos A abertura do Fórum coincide com a comemoração dos 65 anos da Declaração Universal dos Direitos Humanos – 10 de dezembro. Para registrar a data, foi elaborada uma homenagem ao líder sul-africano Nelson Mandela, falecido na última quinta-feira (5). Além da ministra Maria do Rosário (SDH/PR), o Fórum terá entre seus destaques as presenças de Baltazar Garzón, Leonardo Boff, Catalina Botero, Wanderlino Nogueira Neto, Paulo Vannuchi, Ela Wiecko, Márcio Pochmann, João Pedro Stédile, Enriqueta Barnes de Carlotto, Emir Sader e Leonardo Sakamoto. O Fórum Mundial de Direitos Humanos tem o patrocínio da Petrobras, da Caixa Econômica Federal e dos Correios (Empresa Brasileira de Correios e Telégrafos).

About The Author

Sérgio Carvalho se iniciou na Umbanda, pelo Babalorixá Arnaldo de Omulu (in memorian), na T.E.Nanã Buruquê, realizando sua camarinha em dezembro de 1995. Em 2001, se iniciou no Candomblé pelas mãos do Babalorixá Jô d´Osogiyan, no Asé Omin Oiyn Ilè, sendo neto de Iyá Nitinha d´Osun (in memorian), do Asé Engenho Velho - Miguel Couto - RJ. Militante em prol da defesa da religião afro-brasileira, ingressou nas fileiras do extinto IPELCY (Instituto de Pesquisas e Estudo da Língua e Cultura Yorubá), dirigido por Jairo d´Osogiyan. Exerce o cargo de Diretor de Cultura e Comunicação da ANMA - Associação Nacional de Mídia Afro. É proprietário da agência Marfim Assessoria & Eventos. Faz parte da equipe de duas das maiores premiações do jornalismo brasileiro, o Embratel e o Petrobras. É editor responsável pelo jornal web Awùre – http://www.awure.jor.br – veículo que aglutina os momentos mais importantes da cultura e religiosidade afro-brasileira.

Related posts

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *