Breaking News

NOTA PÚBLICA: Intolerância religiosa contra terreiros no Rio de Janeiro

 

14/09/2017

A Ministra de Estado dos Direitos Humanos, Luislinda Valois, manifesta seu repúdio e indignação aos ataques às casas de religiões de matriz afro-brasileiras, no Rio de Janeiro. As autoridades locais registraram mais de sete ataques nas últimas semanas, no Rio de Janeiro e em outros municípios do estado.

Ao tomar conhecimento da situação, a ministra Luislinda acionou as autoridades competentes para investigar os crimes e dar suporte às vítimas, cobrando o devido acolhimento, acompanhamento e providencias contra esses casos.

Além disso, a ministra designou o Secretário Nacional de Promoção das Políticas da Igualdade Racial, Juvenal Araújo, para acompanhar a situação no local. O Secretário vai ao Rio de Janeiro nesta sexta (14) manter reuniões com as autoridades locais, incluindo o Ministério Público Estadual, a Secretaria de Estado de Segurança Pública, o Governo Estadual, autoridades municipais e os movimentos religiosos de matriz africana.

A agressão a um local de culto é situação de intolerância religiosa e clara violação dos direitos humanos das comunidades construídas em torno dessas casas. O Ministério estende seu apreço e solidariedade às vítimas destas violações.

 

 

Extraído do site do Ministério dos Direitos Humanos / Brasília – DF
http://www.sdh.gov.br/noticias/2017/setembro/nota-publica-intolerancia-religiosa-contra-terreiros-no-rio-de-janeiro

About The Author

Sérgio Carvalho se iniciou na Umbanda, pelo Babalorixá Arnaldo de Omulu (in memorian), na T.E.Nanã Buruquê, realizando sua camarinha em dezembro de 1995. Em 2001, se iniciou no Candomblé pelas mãos do Babalorixá Jô d´Osogiyan, no Asé Omin Oiyn Ilè, sendo neto de Iyá Nitinha d´Osun (in memorian), do Asé Engenho Velho - Miguel Couto - RJ. Militante em prol da defesa da religião afro-brasileira, ingressou nas fileiras do extinto IPELCY (Instituto de Pesquisas e Estudo da Língua e Cultura Yorubá), dirigido por Jairo d´Osogiyan. Exerce o cargo de Diretor de Cultura e Comunicação da ANMA - Associação Nacional de Mídia Afro. É proprietário da agência Marfim Assessoria & Eventos. Faz parte da equipe de duas das maiores premiações do jornalismo brasileiro, o Embratel e o Petrobras. É editor responsável pelo jornal web Awùre – http://www.awure.jor.br – veículo que aglutina os momentos mais importantes da cultura e religiosidade afro-brasileira.

Related posts

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *