Breaking News

Petrobras premia jornalistas em evento no Jardim Botânico

Texto: Sérgio D´Giyan

A Petrobras entregou na noite desta terça-feira (22) os 34 troféus aos vencedores da primeira edição do Prêmio Petrobras de Jornalismo. A cerimônia de premiação foi realizada no Espaço Tom Jobim, no Jardim Botânico, Rio de Janeiro, e contou com a presença da presidente da Petrobras, Maria das Graças Silva Foster, dos diretores da Petrobras, além de representantes de entidades ligadas à imprensa como ABI, Federação Nacional dos Jornalistas – Fenaj, Associação dos repórteres Fotográficos – Arfoc e do Sindicato dos Jornalistas Profissionais do Município do Rio de Janeiro.

O editor do Jornal Awùre, Sérgio Carvalho (Sérgio D´Giyan) esteve prestigiando o evento, onde conversou com diversas personalidades do jornalismo brasileiro.

O editor do Jornal Awùre, Sérgio Carvalho, e Graça Foster, Presidente da Petrobras, que entregou o Grande Prêmio Petrobras de Jornalismo a Letícia Duarte pela reportagem "Filhos da Rua", publicada no Jornal Zero Hora, do Rio Grande do Sul.
O editor do Jornal Awùre, Sérgio Carvalho, e Graça Foster, Presidente da Petrobras, que entregou o Grande Prêmio Petrobras de Jornalismo a Letícia Duarte pela reportagem “Filho da Rua”, publicada no Jornal Zero Hora, do Rio Grande do Sul.
Foto: Fátima Britto

A jornalista Letícia Duarte, do jornal Zero Hora (RS), recebeu o troféu Grande Prêmio Petrobras de Jornalismo, das mãos da presidente, pela reportagem “Filhos da rua”, que em 16 páginas conta a história de um menino em situação de rua.

Graça Foster destacou a importância dos jornalistas para a Petrobras. “A imprensa, não só a que cobre a Petrobras diariamente, merece o todo o nosso reconhecimento. Não importa se escrevem contra ou a favor da companhia, com críticas ou elogios. Na maior parte das vezes vocês têm grande parte da razão e da compreensão”, disse.

A presidente defendeu a imprensa livre e lembrou ainda que não vive sem informação. “A primeira coisa que faço no meu dia é procurar a informação. Eu não consigo trabalhar sem ler o clipping, sem pegar em um ou dois jornais e ver como caminha a economia, saber se preciso modificar algo que não foi bem compreendido ou se a informação não estava de fato correta É muito importante que a imprensa seja livre, que critique e ajude a Petrobras em suas decisões”, falou.

O editor do Jornal Awùre, Sérgio D´Giyan e Miriam Fichtner que recebeu o troféu na categoria Fotojornalismo Nacional, com a foto "Religião Afro-Gáucha: a saudação a Iemanjá"
O editor do Jornal Awùre, Sérgio D´Giyan e Miriam Fichtner que recebeu o troféu na categoria Fotojornalismo Nacional, com a foto “Religião Afro-Gáucha: a saudação a Iemanjá”
Foto: Fátima Britto

Além dos troféus, o Grande Prêmio Petrobras de Jornalismo premiou a vencedora com R$ 30 mil (bruto). Os 16 vencedores da categoria nacional receberam um prêmio no valor de R$ 17,2 mil (bruto) e os 17 vencedores na categoria regional, um prêmio de R$ 7,15 mil (bruto).

O Prêmio

O Prêmio Petrobras de Jornalismo estreou com grande número de inscritos. Ao todo foram 1.179 trabalhos recebidos entre os dias 10 de maio e 31 de julho, de todas as regiões do Brasil. Jornalistas e repórteres fotográficos de revistas, jornais, rádios, emissoras de televisão e portais de notícias concorreram aos prêmios no total de R$ 444 mil, para as melhores reportagens relacionadas a esporte, cultura, responsabilidade socioambiental, petróleo/gás e energia e fotojornalismo.

A escolha dos melhores trabalhos foi feita em duas partes. Na primeira etapa, todos os trabalhos recebidos foram avaliados por uma Comissão de Pré-Seleção composta por cinco jornalistas. Na etapa seguinte, os trabalhos foram analisados pela comissão julgadora, composta por outros cinco jornalistas, todos com grande experiência jornalística. Após uma reunião final, a Comissão Julgadora, indicou, entre todos os trabalhos, o vencedor do Grande Prêmio Petrobras de Jornalismo.

Lançado no dia 10 de maio pela presidente Maria das Graças Silva Foster como uma das ações em comemoração aos 60 anos da empresa, o Prêmio Petrobras de Jornalismo tem como objetivo reconhecer a importância dos meios de comunicação e, sobretudo, dos jornalistas que participam do processo de democratização e de disseminação de informações relevantes para o país.

O troféu 

Criado para representar aspectos importantes referentes à imagem da companhia, o troféu do Prêmio Petrobras de Jornalismo une diversos materiais. Em sua base, utiliza a pedra, que remete à rocha do reservatório de petróleo e gás natural. A transparência do acrílico representa o esforço diário da Petrobras em manter todos os seus públicos de interesse informados sobre suas atividades. A chapa de metal representa a imprensa, numa alusão às impressoras rotativas de jornais e revistas e, sobretudo, o reconhecimento da importância dos jornalistas. Com pintura interna na cor preta, a mesma chapa dobrada em formato de gota representa o petróleo, presente de várias formas na vida de toda a sociedade.

Fonte: Release Agência Petrobras

Réplica do troféu Petrobras de Jornalismo
Réplica do troféu Petrobras de Jornalismo
Foto: Fátima Britto

About The Author

Sérgio Carvalho se iniciou na Umbanda, pelo Babalorixá Arnaldo de Omulu (in memorian), na T.E.Nanã Buruquê, realizando sua camarinha em dezembro de 1995. Em 2001, se iniciou no Candomblé pelas mãos do Babalorixá Jô d´Osogiyan, no Asé Omin Oiyn Ilè, sendo neto de Iyá Nitinha d´Osun (in memorian), do Asé Engenho Velho - Miguel Couto - RJ. Militante em prol da defesa da religião afro-brasileira, ingressou nas fileiras do extinto IPELCY (Instituto de Pesquisas e Estudo da Língua e Cultura Yorubá), dirigido por Jairo d´Osogiyan. Exerce o cargo de Diretor de Cultura e Comunicação da ANMA - Associação Nacional de Mídia Afro. É proprietário da agência Marfim Assessoria & Eventos. Faz parte da equipe de duas das maiores premiações do jornalismo brasileiro, o Embratel e o Petrobras. É editor responsável pelo jornal web Awùre – http://www.awure.jor.br – veículo que aglutina os momentos mais importantes da cultura e religiosidade afro-brasileira.

Related posts

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *