Breaking News

Polícia Civil prende 10 na Operação Iemanjá

Lilian Grasiela | 10/09/2016 07:00 - Regional A Polícia Civil de Jaú realizou nesta sexta-feira (9) a Operação Iemanjá e prendeu dez pessoas que integrariam uma organização criminosa responsável por movimentar grande quantidade de drogas na região. Um homem de 38 anos, que inspirou o nome da operação, conseguiu fugir e é considerado foragido.
Polícia apreendeu materiais relacionados com venda de droga...Polícia Civil/Divulgação
Polícia apreendeu materiais relacionados com venda de droga...Polícia Civil/Divulgação
Ontem de manhã, com o apoio de policiais civis da Delegacia de Investigações Gerais (DIG), da Seccional de Jaú e de unidades de Dois Córregos, Barra Bonita, Itapuí e Bariri, equipes da Dise realizaram diligências e prenderam dez pessoas, uma delas em flagrante. As prisões ocorreram em Jaú e duas cidades da região. “Os trabalhos de inteligência policial se iniciaram no mês de abril de 2016, gerando a interceptação de 11 telefones com 18 indivíduos investigados pela prática de tráfico de entorpecente e associação criminosa”, diz Maldonado.De acordo com o delegado Edson Maldonado, titular da Delegacia de Investigações Sobre Entorpecentes (Dise), com base em investigações da unidade sobre o comércio ilegal de drogas em Jaú e região, a Justiça expediu 11 mandados de prisão temporária e dez mandados de busca. Sildomar Campelo Navegante Junior, apontado pela polícia como um dos maiores vendedores de drogas de Jaú, conseguiu fugir com a ajuda de um casal, que foi autuado por favorecimento pessoal. Segundo o delegado, o nome da operação foi inspirado no sobrenome dele, Navegante. Entre o início das investigações e ontem, três flagrantes relacionados à operação haviam sido registrados, com a apreensão de pouco mais de um quilo de cocaína, 100 gramas de crack, R$ 6.520,00 em dinheiro, celulares, notebooks e balanças de precisão.   Extraído do site do Jornal JCNET / Bauru e região – SP http://www.jcnet.com.br/Regional/2016/09/policia-civil-prende-10-na-operacao-iemanja.html

About The Author

Sérgio Carvalho se iniciou na Umbanda, pelo Babalorixá Arnaldo de Omulu (in memorian), na T.E.Nanã Buruquê, realizando sua camarinha em dezembro de 1995. Em 2001, se iniciou no Candomblé pelas mãos do Babalorixá Jô d´Osogiyan, no Asé Omin Oiyn Ilè, sendo neto de Iyá Nitinha d´Osun (in memorian), do Asé Engenho Velho - Miguel Couto - RJ. Militante em prol da defesa da religião afro-brasileira, ingressou nas fileiras do extinto IPELCY (Instituto de Pesquisas e Estudo da Língua e Cultura Yorubá), dirigido por Jairo d´Osogiyan. Exerce o cargo de Diretor de Cultura e Comunicação da ANMA - Associação Nacional de Mídia Afro. É proprietário da agência Marfim Assessoria & Eventos. Faz parte da equipe de duas das maiores premiações do jornalismo brasileiro, o Embratel e o Petrobras. É editor responsável pelo jornal web Awùre – http://www.awure.jor.br – veículo que aglutina os momentos mais importantes da cultura e religiosidade afro-brasileira.

Related posts

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *