Breaking News

Previsões 2017: Sacerdote de Brasília confirma ano de Oxum, Oxalá e Obaluaê, com grandes paixões

Bàbálawo Ifákunle Awofemi Ologboni alerta para retorno alarmante da contaminação por HIV

Jornal do Brasil

 

31/12/2016 às 00h02

 

Jornal do Brasil convidou pelo segundo ano consecutivo o sacerdote OluwoIfakunleAwofemiOlogboniAjagunmole para fazer as previsões do ano para o Brasil e o mundo. Leia abaixo suas revelações.

OdituraOdu transitório de 2017: Renascimento que conduz a visão mística, mudança arbitraria que conduz a auto ilusão.

Orisas regentes de 2017: Osun(Oxum) , Obatala(Oxala)e Obaluawe(Obaluaê)

2017 será um ano de grandes dúvidas, mas também um ano de esperança, no qual as expectativas darão vazão à possibilidade de crescimento pessoal e realizações.

Amor e Relacionamentos: Ano de intensidade sentimental, propício para as paixões, amores e o estabelecimento de relacionamentos amorosos. Contudo, também há presença do ciúme e a indicação de que as novas e constantes paixões propiciem a troca de parceiros.

luwoIfakunleAwofemiOlogboniAjagunmole diz que será um ano muito fértil para novas amizades

Também, será um ano muito fértil para novas amizades.

luwoifakunleawofemiologboniajagunmole-diz-que-sera-um-ano-muito-fertil-pPolítica: A instabilidade política se mostra como característica deste ano, que trará novas descobertas, escândalos na mídia e indignação da sociedade que deixarão o povo brasileiro desacreditado.

Será um ano de sensações dúbias, oscilando entre o forte ceticismo com as instituições públicas e a esperança no surgimento de novas personalidades capazes de melhorar o quadro brasileiro.

Estados Unidos: Muitas dúvidas e insegurança pelo mundo, mas também do próprio povo americano em relação às direções do novo governo. Haverá novos conflitos e guerras nas ruas. O Povo Americano estará muito preocupado com sua política.

Economia: Existência de dificuldades e obstáculos que impedirão o crescimento da economia.

Saúde: retorno alarmante da contaminação por HIV-Aids, especialmente entre os jovens.

O Câncer será uma preocupação mais comum nas famílias e os Governos precisarão investir em campanhas de prevenção de larga escala.

Vitórias: embora traga turbulências, 2017 traz a energia da esperança e há possibilidade de que o mundo vivencie milagres capazes de transformar para melhor a qualidade de vida das pessoas.

Esporte: O futebol Brasileiro voltará a ganhar respeito mundial.

Tragédia Ambiental: Muita seca, escassez de recursos e grandes desastres. O Governo e o povo brasileiro precisarão estar atentos aos sinais do meio ambiente e adotar medidas preventivas. A participação das pessoas será importante neste quesito.

Violência: aumento da violência pelo país. As pessoas devem ficar atentas aos roubos.

As pessoas mais desamparadas estarão mais vulneráveis em relação à sua qualidade de vida, aumento da injustiça social

Terrorismo: Muita discordância entre as autoridades responsáveis sobre o estabelecimento de ações reais de prevenção e combate ao terrorismo. Haverá mais discussão do que efetividade nas ações.

A Europa sofrerá com novos atentados.

Intolerância Religiosa: Infelizmente, ainda será um ano de intolerância religiosa e desrespeito entre as religiões. Com o crescimento da diversidade religiosa no Brasil e da auto-valorização por parte de cada grupo em relação à sua fé, será necessário estar sempre atento ao egoísmo, a cobiça e o exclusivismo para que os conflitos não aconteçam.

 

 

Sacerdote: Oluwo Ifakunle Awofemi Ologboni

Templo: Ilésìn Ifá Ajagunmole Odara

Tel: 61.97401-1957

E-mail:awofemi@outlook.com

 

 

 

Extraído do site do JB online / Rio de Janeiro – RJ
http://www.jb.com.br/pais/noticias/2016/12/31/previsoes-2017-sacerdote-de-brasilia-confirma-ano-de-oxum-oxala-e-obaluae-com-grandes-paixoes/?from_rss=None

About The Author

Sérgio Carvalho se iniciou na Umbanda, pelo Babalorixá Arnaldo de Omulu (in memorian), na T.E.Nanã Buruquê, realizando sua camarinha em dezembro de 1995. Em 2001, se iniciou no Candomblé pelas mãos do Babalorixá Jô d´Osogiyan, no Asé Omin Oiyn Ilè, sendo neto de Iyá Nitinha d´Osun (in memorian), do Asé Engenho Velho - Miguel Couto - RJ. Militante em prol da defesa da religião afro-brasileira, ingressou nas fileiras do extinto IPELCY (Instituto de Pesquisas e Estudo da Língua e Cultura Yorubá), dirigido por Jairo d´Osogiyan. Exerce o cargo de Diretor de Cultura e Comunicação da ANMA - Associação Nacional de Mídia Afro. É proprietário da agência Marfim Assessoria & Eventos. Faz parte da equipe de duas das maiores premiações do jornalismo brasileiro, o Embratel e o Petrobras. É editor responsável pelo jornal web Awùre – http://www.awure.jor.br – veículo que aglutina os momentos mais importantes da cultura e religiosidade afro-brasileira.

Related posts

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *