Breaking News

Revolta dos Malês: uma luta contra a intolerância religiosa

Historiador afirma que episódio representou a capacidade de reação do povo negro

 

17/10/2016 21h02 – Atualizado em 17/10/2016 21h02

Série 'História e Arte' lembra o episódio da Revolta dos Malês, em 1835 (Foto: TV Bahia)
Série ‘História e Arte’ lembra o episódio da Revolta dos Malês, em 1835 (Foto: TV Bahia)

No Aprovado de sábado, 15, a série História e Arte lembrou o episódio da Revolta dos Malês, que aconteceu em Salvador em 1835. Os malês eram africanos alfabetizados, falantes da língua árabe e seguidores da religião islâmica, e vieram escravizados para o Brasil. Impedidos de professar a fé, organizaram uma luta contra o cristianismo católico na Bahia.

Os atores Lázaro Machado, Sulivã Bispo e Thiago Almasy interpretaram os malês e ajudaram o professor Ricardo Carvalho a narrar essa história. Ele destaca a importância da revolta. “Apesar de rapidamente sufocada, a Revolta dos Malês representou a capacidade de reação do povo negro”, afirma o professor. Vale a pena rever.

 

Extraído do blog Aprovado do portal GShow / Rio de Janeiro – RJ
http://gshow.globo.com/Rede-Bahia/Aprovado/noticia/2016/10/revolta-dos-males-uma-luta-contra-intolerancia-religiosa.html

About The Author

Sérgio Carvalho se iniciou na Umbanda, pelo Babalorixá Arnaldo de Omulu (in memorian), na T.E.Nanã Buruquê, realizando sua camarinha em dezembro de 1995. Em 2001, se iniciou no Candomblé pelas mãos do Babalorixá Jô d´Osogiyan, no Asé Omin Oiyn Ilè, sendo neto de Iyá Nitinha d´Osun (in memorian), do Asé Engenho Velho - Miguel Couto - RJ. Militante em prol da defesa da religião afro-brasileira, ingressou nas fileiras do extinto IPELCY (Instituto de Pesquisas e Estudo da Língua e Cultura Yorubá), dirigido por Jairo d´Osogiyan. Exerce o cargo de Diretor de Cultura e Comunicação da ANMA - Associação Nacional de Mídia Afro. É proprietário da agência Marfim Assessoria & Eventos. Faz parte da equipe de duas das maiores premiações do jornalismo brasileiro, o Embratel e o Petrobras. É editor responsável pelo jornal web Awùre – http://www.awure.jor.br – veículo que aglutina os momentos mais importantes da cultura e religiosidade afro-brasileira.

Related posts

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *