Breaking News

Saurê Palmares reforça cultura afro em Maceió

por 

Secom Maceió

14/11/2016 – 16:27 – Atualizado em 14/11/2016 – 16:32

 

csm_1911_saure_palmares_-_centro__pf__0005_fae6f48dd1

 

A edição deste ano do Saurê Palmares, evento comemorativo ao mês da Consciência Negra, deve envolver diretamente  mais de mil artista em sua programação, durante três dias. As ações têm início a partir desta quarta-feira, 16 de novembro, com o “Cenafro”, palestras de afroempreendedorismo que envolve moda, gastronomia, teatro, música, entre outros temas, no Centro Cultural Arte Pajuçara. O ponto alto do movimento acontece na sexta-feira, 18, com shows artísticos dos seis grupos convocados em processo de seleção pela Prefeitura de Maceió por meio da Fundação Municipal de Ação Cultural (Fmac), além de mais de 30 grupos de cultura popular convidados.

As apresentações artísticas dos seis grupos vão acontecer em palco montado exclusivamente para o evento, na praça Deodoro, no Centro de Maceió. Os selecionados foram o Afroafoxé; Afro Mandela; Afoxé Odo Iyá; Orquestra de Tambores de Alagoas; Luiz de Assis e o artista performático mineiro Babilak Bah. Os shows se iniciam a partir das 16h da próxima sexta-feira.

Os contemplados pela Fmac foram escolhidos por técnicos do segmento e tiveram que cumprir as exigências do processo seletivo, que incluiu currículo, comprovação de atuação na área através de material veiculado na imprensa (clipagem) e comprovantes de cachê emitidos nos últimos 180 dias para apresentações similares já realizadas. Os recursos para esta programação do evento são provenientes de emenda parlamentar do deputado federal Paulão apresentada ao Ministério da Cultura para o projeto “Ações Culturais Para a Cidade de Maceió”.

Na sexta-feira, a programação também envolve “A Rota do Saurê”, ocasião em que mais de 30 grupos de cultura popular se revezarão em apresentações simultâneas em 15 tablados montados na área central da cidade. De acordo com os organizadores, os grupos também farão o encerramento na praça Deodoro, após saírem de três locais determinados.

Afoxé Povo de Exu, Boi Águia de Ouro, Maracatu do Grupo de Folguedos e Danças Prof. Pedro Teixeira e Maculelê Yá Capoeira estão entre as atrações populares.

Na parte de debates haverá o Cenafro e o N´Goma, este último seminário e mostra de percussão que inclui, entre outras atividades, oficina “Ritmo, Corpo e Palavra”, no dia 17 e debate com tema “A percussão e o desenvolvimento sociocultural e educativo em Alagoas”, no dia 18. O Saurê Palmares é realizado pela Prefeitura de Maceió, através da Fmac, há quatro anos.

Veja a programação: 

Palco Praça Deodoro – Dia 18, a partir das 16h

Banda Afro Afoxé

Banda Afro Mandela

Afoxé Odô Iyá

Orquestra de Tambores de Alagoas

Babilak Bah

Luiz de Assis

N’Goma – Mostra de Percussão

Dia 17/11/2016

Atividade: Oficina Ritmo Corpo e Palavra

Responsável: Babilak Bah (BH)

Local: Complexo Cultural Teatro Deodoro

Horário: 14h às 18h

Inscrições gratuitas

 

Dia 18/11/2016

Atividade: Mesa redonda com Mestres dos grupos percussivos alagoanos

Tema: A percussão e o desenvolvimento sociocultural e educativo em Alagoas

Subtema: Percussão, Ineditismo e Criação Artística.

Responsável: Wilson Santos

Local: SESC Centro “Teatro Jofre Soares”

Horário: 9h às 12h

 

Dia 18/11/2016

Atividade: Mostra percussiva com performances de dez grupos percussivos

Responsável: Wilson Santos

Local: SESC Centro “Teatro Jofre Soares”

Horário: 13h30 às 15h30

 

Dia 18/11/2016

Atividade: Apresentação musical do musico Babilak Bah e Grupo

Responsável: Babilak Bah

Local: Praça Deodoro (dentro da programação do Saurê Palmares)

Horário: 19h

 

CENAFRO 2016

Local: Centro Cultural Arte Pajuçara

16/11/2016

14h-17h – Oficina de Dança Afro – Tatiana Campelo FUNCEB/BA – Sala de Dança do Complexo Cultural do Teatro Deodoro – DITEAL

18h30 – 19h– Credenciamento

19h- 20h – Abertura e Lançamento da nova identidade visual da Cia de Teatro e Dança Afro Aiê Orum – Diego Bernardes

20h – 20h40 – William Reis – Coordenador do Afroreggae : Afroempreendedorismo Negro.

20h40-21h – Seção para perguntas

21h – Finalização

 

17/11/2016

14h-17h – Oficina de Dança Afro – Tatiana Campelo FUNCEB/BA – Sala de Dança do Complexo Cultural do Teatro Deodoro – DITEAL

19h-19h30 – Abertura da segunda noite – Jonathan Silva

19h30 – 20h10 – Palestra – Empreendedorismo da Mulher Negra – Marta Barbosa – credenciada SEBRAE/AL.

20h10 – 21h50– Palestra – A força da mulher negra e empreendedora – Tatiana Campelo – FUNCEB/BA.

21h – Apresentação Cultural e finalização.

 

Link para as inscrições: https://www.doity.com.br/cenafro-2016#about

 

 Rota do Saurê – Dia 18, a partir das 15h

 

GIRO 1- SAÍDA DA PRAÇA DEODORO GIRO 2- SAÍDA DO ANTIGO PRODUBAN GIRO 3- SAÍDA DO BANCO SAFRA
Taieiras Alagoanas Guerreiro Campeão do Trenado Baianas do Grupo Folclórico Ganga Zumba
Afoxé Povo de Exu Baianas Flor do Bairro Banda de Pífanos Fulô da Chicaboa
Coco Paixão Nordestina Boi Bumbá Alagoano Boi Cobra Negra
Boi Águia Boi Cão de Raça Boi Dragão
Boi Águia de Ouro Coco Mandacaru Boi Anaconda
Coco Los Coquitos Guerreiro Mensageiros de Padre Cícero Fandango do Pontal
Maracatu do Grupo de Folguedos e Danças Prof. Pedro Teixeira Baianas Mensageiras de Santa Luzia Anderson Fidélis

 

 

Maculelê Yá Capoeira Guerreiro São Pedro Alagoano Maracatu Raízes da Tradição
Coco Reviver Alagoano Guerreiro Vencedor Alagoano Coco Raízes Nordestinas
Coco Tentação Pastoril Estrela de Belém Coco Xique-Xique

 

 

Extraído do site TNH1 da Rede Pajuçara de Comunicação / Maceió – AL
http://www.tnh1.com.br/single-pfc/noticia/saure-palmares-reforca-cultura-afro-em-maceio/?cHash=b9a586ee3bd8a26a427c52abd3b3055e

About The Author

Sérgio Carvalho se iniciou na Umbanda, pelo Babalorixá Arnaldo de Omulu (in memorian), na T.E.Nanã Buruquê, realizando sua camarinha em dezembro de 1995. Em 2001, se iniciou no Candomblé pelas mãos do Babalorixá Jô d´Osogiyan, no Asé Omin Oiyn Ilè, sendo neto de Iyá Nitinha d´Osun (in memorian), do Asé Engenho Velho - Miguel Couto - RJ. Militante em prol da defesa da religião afro-brasileira, ingressou nas fileiras do extinto IPELCY (Instituto de Pesquisas e Estudo da Língua e Cultura Yorubá), dirigido por Jairo d´Osogiyan. Exerce o cargo de Diretor de Cultura e Comunicação da ANMA - Associação Nacional de Mídia Afro. É proprietário da agência Marfim Assessoria & Eventos. Faz parte da equipe de duas das maiores premiações do jornalismo brasileiro, o Embratel e o Petrobras. É editor responsável pelo jornal web Awùre – http://www.awure.jor.br – veículo que aglutina os momentos mais importantes da cultura e religiosidade afro-brasileira.

Related posts

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *