Breaking News

Seduc inicia formação para professores em História e Cultura Afro-Indígena Cearense

 

Qua, 10 de Junho de 2015 10:21
A Secretaria da Educação do Estado (Seduc) promove a partir desta quarta-feira (10) até a próxima sexta-feira (12), no Hotel Romanos, a primeira etapa da Formação em História e Cultura Afro-indígena Cearense, realizada em articulação com os Movimentos Indígena e de Terreiro do Ceará. Participam do encontro professores e técnicos da rede estadual de ensino, integrantes dos Movimentos e representantes da Universidade de Integração Internacional da Lusofonia Afro-Brasileira (Unilab) e Universidade Estadual do Ceará (Uece).

A formação acontece em cumprimento às Leis nº 10.639/03 e nº 11.645/08, que tornam obrigatório o ensino de História e Cultura Africana, Afro-brasileira e Indígena em toda a extensão do currículo escolar. O curso será desenvolvido em três etapas e esta primeira terá como temática central “Identidade, território e corporeidade afro-indígena cearense”. O conteúdo será abordado pelos próprios mestres da cultura indígena e do Movimento de Terreiro, que participam como oficineiros do evento.

Integram, ainda, a programação apresentações artísticas dos grupos Tambores do Galo Preto e Erês, além de uma aula de campo com a visita a territórios históricos de Fortaleza que representam o patrimônio material e imaterial afroindígena Pai Cleudo.

Conforme Nohemy Rezende, coordenadora de Diversidade e Inclusão Educacional da Seduc, a formação é importante para uma prática pedagógica que favoreça as relações e a diversidade étnico-racial, instigando a superação de qualquer tipo de discriminação e valorizando a trajetória particular dos grupos que compõem a sociedade.

Veja a PROGRAMAÇÃO:

pro1

 

pro2
10.06.2015

Jacqueline Cavalcante
Assessora de Imprensa da Secretaria da Educação
jacquelinec@seduc.ce.gov.br  / 85 3101.3972 ou 8845.5185

Sabrina Lima
Gestora de Célula/Secretarias

Coordenadoria de Imprensa do Governo do Estado
Casa Civil
comunicacao@casacivil.ce.gov.br  / 85 3466.4898

 

Extraído do portal do Governo do Estado do Ceará
http://www.ceara.gov.br/sala-de-imprensa/noticias/12962-seduc-inicia-formacao-para-professores-em-historia-e-cultura-afro-indigena-cearense

About The Author

Sérgio Carvalho se iniciou na Umbanda, pelo Babalorixá Arnaldo de Omulu (in memorian), na T.E.Nanã Buruquê, realizando sua camarinha em dezembro de 1995. Em 2001, se iniciou no Candomblé pelas mãos do Babalorixá Jô d´Osogiyan, no Asé Omin Oiyn Ilè, sendo neto de Iyá Nitinha d´Osun (in memorian), do Asé Engenho Velho - Miguel Couto - RJ. Militante em prol da defesa da religião afro-brasileira, ingressou nas fileiras do extinto IPELCY (Instituto de Pesquisas e Estudo da Língua e Cultura Yorubá), dirigido por Jairo d´Osogiyan. Exerce o cargo de Diretor de Cultura e Comunicação da ANMA - Associação Nacional de Mídia Afro. É proprietário da agência Marfim Assessoria & Eventos. Faz parte da equipe de duas das maiores premiações do jornalismo brasileiro, o Embratel e o Petrobras. É editor responsável pelo jornal web Awùre – http://www.awure.jor.br – veículo que aglutina os momentos mais importantes da cultura e religiosidade afro-brasileira.

Related posts

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *