Breaking News

Seminário aborda 72 anos do amalá de xangô

Evento será nesta quarta-feira, na UFPE

 

Publicado em: 19/06/2017 18:54 Atualizado em:

 

Nesta quarta-feira, acontece o seminário 72 Anos do Amalá de Xangô, O Banquete do Rei. O evento será no Centro de Educação e no Centro de Artes e Comunicação da Universidade Federal de Pernambuco, campus Recife, das 8h às 18h. O tema será Obá Aganjú Ogbô Ayê: Fé, Devoção e Tradição do Terreiro de Mãe Amara. O seminário é aberto ao público e as inscrições serão feitas no próprio evento. Serão disponibilizadas 120 vagas.

O evento abordará os 72 anos de história do Banquete do Rei, prática religiosa que homenageia Xangô, no Terreiro de Mãe Amara, localizado em Dois Unidos, no Recife. Também haverá apresentação de pesquisas sobre o tema, oficinas e lançamento da Cartilha de Mãe Amara Mendes. A programação completa pode ser conferida aqui (programacao1.jpg) e programacao2.jpg.

O seminário é coordenado e idealizado pelo professor Francisco Jatobá, do Departamento de Sociologia do Centro de Filosofia e Ciências Humanas (CFCH) da UFPE. A realização é do Grupo de Estudos e Pesquisas em Autobiografias, Racismos e Antirracismos na Educação (Gepar)/UFPE, Ocre, Cese/ActAliança e Instituto Social Oxê, com apoio do Iphan e da UFPE.

 

 

Extraído do site do Jornal Diario de Pernambuco / Recife – PE
http://www.diariodepernambuco.com.br/app/noticia/vida-urbana/2017/06/19/interna_vidaurbana,709397/seminario-aborda-72-anos-do-amala-de-xango.shtml

About The Author

Sérgio Carvalho se iniciou na Umbanda, pelo Babalorixá Arnaldo de Omulu (in memorian), na T.E.Nanã Buruquê, realizando sua camarinha em dezembro de 1995. Em 2001, se iniciou no Candomblé pelas mãos do Babalorixá Jô d´Osogiyan, no Asé Omin Oiyn Ilè, sendo neto de Iyá Nitinha d´Osun (in memorian), do Asé Engenho Velho - Miguel Couto - RJ. Militante em prol da defesa da religião afro-brasileira, ingressou nas fileiras do extinto IPELCY (Instituto de Pesquisas e Estudo da Língua e Cultura Yorubá), dirigido por Jairo d´Osogiyan. Exerce o cargo de Diretor de Cultura e Comunicação da ANMA - Associação Nacional de Mídia Afro. É proprietário da agência Marfim Assessoria & Eventos. Faz parte da equipe de duas das maiores premiações do jornalismo brasileiro, o Embratel e o Petrobras. É editor responsável pelo jornal web Awùre – http://www.awure.jor.br – veículo que aglutina os momentos mais importantes da cultura e religiosidade afro-brasileira.

Related posts

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *