Breaking News

Seminário discutirá Racismo e Liberdade Religiosa

O evento acontecerá no dia 28 na sede do Ministério Público 23/11/2016  08:11
(Foto: Ascom MPE)
(Foto: Ascom MPE)
Com o intuito de contribuir para máxima eficácia da atuação do Ministério Público Brasileiro no enfrentamento ao racismo e na garantia da liberdade religiosa, através da formação e qualificação dos seus Membros e Servidores, a Escola Superior do Ministério Público de Sergipe, o Centro de Apoio Operacional dos Direitos Humanos e a Coordenação Estadual do Projeto “Racismo: Conhecer para Enfrentar, do Conselho Nacional do Ministério Público”, realizarão o Seminário Enfrentamento ao Racismo e Garantia da Liberdade Religiosa. O evento acontecerá no dia 28 de novembro, a partir das 07h no auditório da sede do Ministério Público de Sergipe, localizado no Centro Administrativo de Aracaju/SE. O Seminário faz parte do Projeto “Racismo: Conhecer para Enfrentar” do Conselho Nacional do Ministério Público, que também está sendo desenvolvido no MP/SE, sob a coordenação do Promotor de Justiça Luís Fausto Dias Valois Santos. O evento contará com palestras e debates acerca dos temas: “Subnotificações de crimes raciais”, “Taxonomia e Identidade na Diáspora”, “Enfrentamento ao racismo” e “Liberdade Religiosa”. As inscrições podem ser realizadas até o dia 27 de novembro, através do site da ESMP. É importante frisar que a presença deverá ser registrada biometricamente, e o reconhecimento do certificado está condicionado à frequência mínima de 75% da carga horária total. Confira a programação completa. Fonte: Ascom MPE   Extraído do site Infonet / Aracaju – SE http://www.infonet.com.br/noticias/cultura/ler.asp?id=193729&titulo=noticias

About The Author

Sérgio Carvalho se iniciou na Umbanda, pelo Babalorixá Arnaldo de Omulu (in memorian), na T.E.Nanã Buruquê, realizando sua camarinha em dezembro de 1995. Em 2001, se iniciou no Candomblé pelas mãos do Babalorixá Jô d´Osogiyan, no Asé Omin Oiyn Ilè, sendo neto de Iyá Nitinha d´Osun (in memorian), do Asé Engenho Velho - Miguel Couto - RJ. Militante em prol da defesa da religião afro-brasileira, ingressou nas fileiras do extinto IPELCY (Instituto de Pesquisas e Estudo da Língua e Cultura Yorubá), dirigido por Jairo d´Osogiyan. Exerce o cargo de Diretor de Cultura e Comunicação da ANMA - Associação Nacional de Mídia Afro. É proprietário da agência Marfim Assessoria & Eventos. Faz parte da equipe de duas das maiores premiações do jornalismo brasileiro, o Embratel e o Petrobras. É editor responsável pelo jornal web Awùre – http://www.awure.jor.br – veículo que aglutina os momentos mais importantes da cultura e religiosidade afro-brasileira.

Related posts

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *