Breaking News

Turismo étnico é tema de encontro em Cachoeira

 

cachoeira-ba-foto-rita-barretosetur-8638-800x445

30 de novembro de 2016 Ray Santos

Voltado para um público formado por comunidades de terreiros de candomblé, quilombolas, capoeiristas, baianas do acarajé e empreendedores negros, dentre outros, a Secretaria do Turismo da Bahia (Setur) finaliza, em Cachoeira, no Recôncavo Baiano, a série de encontros realizados para marcar o mês da consciência negra.

A ação, que acontece nesta terça-feira (29/11) e na quarta-feira (30/11), tem o apoio da Prefeitura de Cachoeira, por meio da Secretaria Municipal de Cultura e Turismo e da Secretaria de Promoção da Igualdade Racial (Sepromi). Como parte dos seminários Tecendo a Rede do Turismo Étnico-afro – Desenvolvimento do Turismo na Bahia, as atividades são realizadas no Cine Theatro Cachoeirano.

Nesta terça-feira, o wokshop sobre Turismo Étnico-afro na Bahia aborda sua importância para o desenvolvimento sustentável das comunidades. A programação inclui ainda uma oficina de empreendedorismo étnico, ministrada pela Secretaria de Promoção da Igualdade Racial (Sepromi). Na ação, os participantes são estimulados a desenvolver iniciativas para geração de emprego e renda, através da produção associada ao turismo, expandindo suas atividades e valorizando suas tradições.

Já na quarta-feira (30/11), além da oficina de construção da rede do turismo étnico-afro, a programação segue com uma reunião com representantes de terreiros patrimonializados de Cachoeira e São Félix, além de uma oficina de qualidade de atendimento ao turista. Os participantes deverão ainda assinar um termo de adesão à rede de turismo étnico-afro da Bahia, que visa potencializar a cadeia produtiva do turismo nos terreiros de candomblé e entidades negras.

Seminário Tecendo a Rede do Turismo Étnico-afro – Desenvolvimento do Turismo na Bahia estimula o crescimento sustentável das comunidades, por meio da produção associada ao turismo. O primeiro encontro aconteceu na cidade de Feira de Santana, a 107 quilômetros de Salvador, no dia 18/11, e o segundo, em Porto Seguro (22/11), localizado na Costa do Descobrimento, a 730 quilômetros de Salvador.

cachoeira-29_11

cachoeira-ba-fototatiana-azeviche

Repórter: Marilena Necco

Fonte: Setur

 

 

Extraído do site do Jornal Dia a Dia / Três Lagoas – MS
http://jornaldiadia.com.br/2016/?p=225530

About The Author

Sérgio Carvalho se iniciou na Umbanda, pelo Babalorixá Arnaldo de Omulu (in memorian), na T.E.Nanã Buruquê, realizando sua camarinha em dezembro de 1995. Em 2001, se iniciou no Candomblé pelas mãos do Babalorixá Jô d´Osogiyan, no Asé Omin Oiyn Ilè, sendo neto de Iyá Nitinha d´Osun (in memorian), do Asé Engenho Velho - Miguel Couto - RJ. Militante em prol da defesa da religião afro-brasileira, ingressou nas fileiras do extinto IPELCY (Instituto de Pesquisas e Estudo da Língua e Cultura Yorubá), dirigido por Jairo d´Osogiyan. Exerce o cargo de Diretor de Cultura e Comunicação da ANMA - Associação Nacional de Mídia Afro. É proprietário da agência Marfim Assessoria & Eventos. Faz parte da equipe de duas das maiores premiações do jornalismo brasileiro, o Embratel e o Petrobras. É editor responsável pelo jornal web Awùre – http://www.awure.jor.br – veículo que aglutina os momentos mais importantes da cultura e religiosidade afro-brasileira.

Related posts

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *